Topo
Esporte

Cuca cogita mudar de Curitiba após ameaças de Petraglia, diz Marília Ruiz

do UOL

Colaboração para o UOL, em São Paulo

25/06/2024 19h31

Ao Fim de Papo, a jornalista e apresentadora Marília Ruiz revelou bastidores da saída de Cuca do comando do Athletico Paranaense.

O treinador declarou que assumiu para o time a culpa pelos pontos perdidos no campeonato. Cuca também demonstrou surpresa com a declaração sobre decepção feita pelo dirigente Mario Celso Petraglia.

"Ele deu a coletiva já tendo entregue o cargo e na segunda-feira foi confirmado. Na sequência, saiu uma nota do Mario Cesar Petraglia, muito contundente, chamando o Cuca de ingrato porque ele abriu as portas do Athletico Paranaense depois de todo o turbilhão no ano passado", contextualizou Marília.

Em conversa com a jornalista, Cuca negou que o escândalo exposto por Petraglia tenha acontecido no vestiário:

"Ele disse que, após o terceiro empate seguido, os jogadores saíram muito nervosos porque a torcida começou a gritar 'vergonha' e ao entrar no túnel havia tido invasão de torcedores. No vestiário havia tido uma cobrança forte do Paulo Miranda, diretor, para alguns jogadores e aí começou um 'a culpa é sua', 'vocês não fizeram o gol'. Não vou falar quem são para não expor. E o Cuca teria levantado a voz durante essa discussão para dizer 'a culpa não era de ninguém, e sim minha. Se não tá dando nada certo, eu vou embora'."

E agora, qual o destino de Cuca?

Ao perguntar sobre o futuro, Marília Ruiz informou que Cuca planeja descansar e passar mais tempo com a família, e portanto não pretende voltar a treinar outro clube tão cedo.

O ex-treinador do Furacão ainda falou que pensa em mudar de cidade. Segundo Cuca, o motivo seria para se defender da ameaça de Petraglia, concluindo que não deverá ter paz se continuar em Curitiba.

Esporte