Topo
Esporte

Claudio Bravo, do Chile, se torna o jogador mais velho a disputar uma Copa América

Claudio Bravo na partida entre Chile e Peru, na Copa América - Photo by Ron Jenkins / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / Getty Images via AFP
Claudio Bravo na partida entre Chile e Peru, na Copa América Imagem: Photo by Ron Jenkins / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / Getty Images via AFP

23/06/2024 08h50

Apesar do empate sem gols, o confronto entre Peru e Chile entrou para a história da Copa América.

Ao entrar em campo, o goleiro chileno Claudio Bravo se tornou o jogador mais velho a atuar em uma partida da competição.

O jogador de 41 anos e 68 dias superou outro goleiro, o boliviano Carlos Trucco, que entrou em campo na final da edição de 1997 com 39 anos e 322 dias.

Claudio Bravo está na seleção do Chile desde 2004.

O goleiro fez parte da "geração de ouro" do país, que venceu a Copa América em 2015 e 2016. Se entrar em campo na próxima partida dos chilenos, Bravo atingirá a marca de 150 partidas disputadas com a "La Roja".

Caso Claudio Bravo não entrasse em campo nesta sexta-feira, o recorde de jogador mais velho a jogar uma Copa América seria batido da mesma forma.

Isso porque Paolo Guerrero, ex-Corinthians e Flamengo, entrou na partida durante o segundo tempo com 40 anos e 171 dias e, portanto, também superou Carlos Trucco.

Com o empate diante do Peru, o Chile ficou na terceira posição do Grupo A, com um ponto conquistado.

O próximo compromisso dos chilenos é nesta terça-feira contra a Argentina, no MetLife Stadium, em Nove Jersey, às 22h (de Brasília).

Esporte