Topo
Esporte

Cuiabá surpreende, vence São Paulo e derruba invencibilidade de Zubeldía

do UOL

Do UOL, em São Paulo

19/06/2024 21h57

Com Lucas atuando só por 30 minutos, o São Paulo viveu uma noite de pouquíssima inspiração no MorumBis, perdeu para o Cuiabá por 1 a 0 em jogo do Campeonato Brasileiro e viu a invencibilidade de Luis Zubeldía ruir após 12 jogos. Eliel, já nos minutos finais do 2° tempo, cravou o gol que deu a primeira vitória dos mato-grossenses no estádio do Tricolor.

Com o resultado, o clube paulista estacionou nos 15 pontos e deixou o G6. A equipe de Petit, por outro lado, subiu aos 10 pontos e se distanciou ainda mais do Z4.

O São Paulo volta a jogar no sábado (22), quando encara Vasco fora de casa. No mesmo dia, o Cuiabá recebe o Atlético-GO — ambos os duelos são válidos pelo Brasileirão.

Como foi o jogo

O 1° tempo foi de pouca inspiração por parte dos mandantes, que viram o adversário protagonizar as melhores chances. Max acertou a trave, Marllon e Matheus Alexandre erraram o alvo e Denílson obrigou Jandrei a trabalhar. Pelo lado do Tricolor, os erros de passe dificultaram uma investida mais aguda.

Na etapa final, o São Paulo até melhorou ao investir pelos lados, mas foi punido pela desatenção: em um lançamento despretensioso da zaga, Pitta ganhou de Arboleda e deu início ao gol de Eliel já na casa dos 36 minutos. O gol esfriou qualquer reação por parte dos donos da casa.

Gols e destaques

Jandrei atrapalhado, Calleri impedido... O Tricolor iniciou a partida diante de um rival que não se fechou: o Cuiabá apertou a saída de bola paulista e, em uma delas, o goleiro Jandrei se atrapalhou e deu um passe bizarro que gerou escanteio dos visitantes. Os donos da casa se recuperaram quando Calleri tabelou com Luciano e, mesmo impedido, forçou a defesa de Walter.

Calleri, do São Paulo, tenta finalizar durante jogo contra o Cuiabá pelo Campeonato Brasileiro - Marcello Zambrana/AGIF - Marcello Zambrana/AGIF
Calleri, do São Paulo, tenta finalizar durante jogo contra o Cuiabá pelo Campeonato Brasileiro
Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Mato-grossenses melhoram e assustam. O elenco comandado interinamente pelo auxiliar Nuno Pereira passou a ganhar espaço e quase abriu o placar aos 20 minutos com Max, que aproveitou bobeada de Arboleda e carimbou o travessão do São Paulo. Pouco tempo depois, foi a vez de Marllon cabecear para fora e Matheus Alexandre errar o alvo.

São Paulo abusa dos erros e toma blitz. Sem o motorzinho Lucas, a equipe de Luis Zubeldía não conseguiu "tomar conta" do meio de campo e passou a exagerar nos passes errados. O cenário fez o Cuiabá gerar ainda mais perigo antes do intervalo: primeiro com Jonathan Cafu, que recebeu de Max e demorou para chutar, e depois com Denílson, que bateu de longe e viu Jandrei fazer ótima defesa.

Laterais avançam e criam perigo. O Tricolor voltou para o 2° tempo mais ofensivo, com Igor Vinícius e Welington avançando pelos lados e "dobrando" com os pontas Wellington Rato e Michel Araújo. Foi pela esquerda, aliás, que surgiu uma das melhores chances dos mandantes, quando Calleri recebeu lateral de Welington e acionou Michel Araújo, que trouxe para o meio e finalizou a poucos centímetros da meta de Walter.

Welington, do São Paulo, disputa a bola durante jogo contra o Clube pelo Campeonato Brasileiro - Divulgação/AssCom Dourado - Divulgação/AssCom Dourado
Welington, do São Paulo, disputa a bola durante jogo contra o Clube pelo Campeonato Brasileiro
Imagem: Divulgação/AssCom Dourado

Luiz Gustavo, Nestor e Lucas acionados. As escassas oportunidades em 15 minutos fizeram Zubeldía chamar três de seus meio-campistas habitualmente titulares ao gramado. Até então poupados, Luiz Gustavo, Nestor e Lucas entraram juntos e substituíram Galoppo, Michel Araújo e Rato, respectivamente.

Blitz paulista. O São Paulo passou a apertar um já recuado Cuiabá e, rodando a bola de um lado para o outro, ficou perto de balançar as redes com Calleri: o atacante concluiu para fora um cruzamento de Nestor e, pouco depois, quase alcançou um lançamento de Igor Vinícius. Em meio às tentativas, Luciano deu lugar ao jovem William Gomes — formado em Cotia e uma das maiores promessas da atual base do Tricolor —, e Ferreirinha

Eliel entra e decide. Os visitantes abriram o placar aos 36 minutos, quando Isidro Pitta recebeu lançamento do campo de defesa, invadiu a área e tocou para o meio: Fernando Sobral dividiu com Luiz Gustavo e viu a bola sobrar para Raylan, que acabou tocando sem querer para Eliel. O atacante, que havia acabado de entrar, fuzilou o gol de Jandrei e cravou o 1 a 0.

Eliel comemora gol em São Paulo x Cuiabá, jogo do Campeonato Brasileiro - Marcello Zambrana/AGIF - Marcello Zambrana/AGIF
Eliel comemora gol em São Paulo x Cuiabá, jogo do Campeonato Brasileiro
Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 0x1 CUIABÁ

Data e horário: 19 de junho de 2024, às 20h (de Brasília)
Competição: 10ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: MorumBis, em São Paulo (SP)
Árbitro: Gustavo Ervino Bauermann
Assistentes: Thiaggo Americano Labes e Brigida Cirilo Ferreira
VAR: Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira
Cartões amarelos: Alisson, William Gomes (SPO); Raylan (CUI)
Público: 36.534
Gol: Eliel (CUI), aos 36 min do 2° tempo

SÃO PAULO: Jandrei; Igor Vinícius, Arboleda, Diego Costa e Welington; Alisson (Ferreirinha), Galoppo (Luiz Gustavo), Michel Araújo (Nestor), Luciano (William Gomes) e Wellington Rato (Lucas); Calleri. Técnico: Luis Zubeldía

CUIABÁ: Walter; Matheus Alexandre, Marllon, Alan Empereur e Ramon (Bruno Alves); Lucas Mineiro, Denílson (Fernando Sobral) e Max (Rikelme); Jonathan Cafu (Eliel), Clayson (Raylan) e Pitta. Técnico: Nuno Pereira

Esporte