Topo
Esporte

Demitido do Corinthians, gerente de mercado desabafa: "As coisas não caminharam como o prometido"

19/06/2024 19h35

O Corinthians decidiu demitir o gerente de mercado Thiago Gasparino, convidado por Augusto Melo para fazer parte da gestão em outubro de 2023. Após a demissão, o profissional desabafou e afirmou que as coisas não caminharam como o prometido. Ele disse que não teve mais acesso às atividades do elenco corintiano após a contratação de Fabinho Soldado, executivo de futebol do clube.

"Infelizmente as coisas não caminharam como prometido e já no final de janeiro, com a chegada do executivo de futebol, passei a não ter acesso aos treinos, as viagens e nem pude montar a minha equipe de trabalho para entregar um trabalho de excelência na área para a qual fui contratado", revelou Thiago.

Gasparino também afirmou ter sido "desligado pela direção" do Corinthians e que ficou "totalmente apartado das principais discussões sobre a montagem do elenco profissional".

Por fim, o profissional agradeceu aos funcionários do clube e desejou sorte ao Corinthians.

Thiago Gasparino foi contratado para participar das contratações do Corinthians. Ele foi um dos responsáveis pela chegada do meia Igor Coronado, que veio do futebol saudita.


Confira a nota de Thiago Gasparino na íntegra:

"Hoje oficializo a minha saída do Corinthians depois de ter sido desligado pela Direção. Sou grato a Instituição e a Fiel torcida pelo apoio e pelo tempo que passamos juntos. Foi um orgulho e uma honra fazer parte de um dos maiores clubes do mundo.

Quando fui convidado pelo Presidente Augusto Melo e pelo Diretor Rubens Gomes, ainda em outubro de 2023, ou seja, antes da eleição, aceitei o desafio pela grandeza dessa camisa e com uma crença absoluta de que poderíamos reconstruir não só o elenco mas toda a lógica da inteligência de futebol do clube.

Infelizmente as coisas não caminharam como prometido e já no final de janeiro, com a chegada do executivo de futebol, passei a não ter acesso aos treinos, as viagens e nem pude montar a minha equipe de trabalho para entregar um trabalho de excelência na área para a qual fui contratado.

Desde então, fiquei totalmente apartado das principais discussões sobre a montagem do elenco profissional. Apesar disso, segui fazendo o meu melhor para entregar o que era solicitado e tudo relacionado às análises individuais e de mercado dos jogadores, sempre no intuito de ajudar o clube a tomar melhores decisões.

Agradeço as pessoas do clube, funcionários, jogadores e staff pelo convívio e pelas trocas que levarei comigo para os próximos desafios da minha carreira. Desejo todo sucesso para essa grande instituição e Vai, Corinthians!"

Esporte