Topo
Esporte

Eriksen marca 3 anos após parada cardíaca, mas Dinamarca empata com a Eslovênia

Christian Eriksen durante jogo da Dinamarca contra a Eslovênia na Eurocopa - THOMAS KIENZLE / AFP
Christian Eriksen durante jogo da Dinamarca contra a Eslovênia na Eurocopa Imagem: THOMAS KIENZLE / AFP

16/06/2024 15h00

Neste domingo, Dinamarca e Eslovênia empataram por 1 a 1 na Stuttgart Arena, pela primeira rodada da fase de grupos da Eurocopa. Eriksen balançou as redes para a Dinamarca, enquanto Erik Janza empatou para a Eslovênia.

Com o resultado, a Dinamarca ficou com um ponto e assumiu a primeira colocação do Grupo C. A Eslovênia, com a mesma pontuação, agora ocupa a segunda posição, por critérios de desempate. Pela outra partida da chave, Inglaterra e Sérvia também duelam neste domingo, às 16h (de Brasília), na Arena AufSchalke, e definirão as posições do grupo após esta primeira rodada.

A Dinamarca volta a campo na próxima quinta-feira, às 13h, na Frankfurt Arena, diante da Inglaterra, pela segunda rodada da fase de grupos. No mesmo dia, às 10h, a Eslovênia joga contra a Sérvia na Munich Football Arena.

O placar foi inaugurado pela Dinamarca aos 17 minutos da etapa inicial. Hojlund recebeu cobrança de lateral dentro da área e ajeitou de calcanhar para Eriksen, que dominou de peito e chutou cruzado no canto direito de Oblak.

Eriksen marcou depois de exatos 1100 dias do episódio em que sofreu uma parada cardíaca em campo. O incidente aconteceu na Eurocopa de 2021 em Copenhagen durante partida contra a Finlândia, que acabou vencendo por 1 a 0. A Dinamarca fazia a sua estreia na fase de grupos quando Eriksen caiu desacordado ao sofrer mal-súbito. O jogador passou por uma cirurgia e voltou a atuar após oito meses.

A Eslovênia quase marcou aos 3 minutos do segundo tempo. Benjamin Sesko ajeitou para a perna direita, cortou o marcador dentro da área e arrematou com força, no alto, mas a bola bateu na trave.

Aos 32 minutos da etapa complementar, a Eslovênia chegou ao gol de empate. Após cobrança de escanteio, a bola foi mal afastada pela zaga dinamarquesa e Erik Janza finalizou de primeira, com a perna esquerda, da entrada da área. A bola desviou em Hjulmand e matou o goleiro Schmeichel.

Esporte