Topo
Esporte

Ansiosa por Paris-24, Debinha celebra presença feminina nas arquibancadas

Debinha, atacante da seleção brasileira feminina - Erin Chang/ISI Photos/Getty Images
Debinha, atacante da seleção brasileira feminina Imagem: Erin Chang/ISI Photos/Getty Images
do UOL

Do UOL, em São Paulo

12/06/2024 17h14

A 44 dias do início das Olimpíadas de Paris, Debinha esternou sua ansiedade pela convocação para defender a seleção brasileira peça terceira vez em Jogos.

Em conversa com o UOL, a brasileira — contou que pretende levar toda a sua família para Paris caso esteja na lista do técnico Arthur Elias. Debinha também celebrou a presença das mulheres nas arquibancadas de grandes eventos esportivos.

A expectativa está grande. Meu foco está aqui no clube e, se estiver na lista das meninas que forem, que eu possa representar bem o meu país. Pode ser a minha terceira participação em Olimpíadas, então estou muito empolgada. Cada competição é um momento diferente. Pretendo levar minha família, então seria muito legal dar essa oportunidade a eles.
Debinha.

Uma pesquisa encomendada pela Wise, empresa global de tecnologia, revelou que as Olimpíadas são o evento esportivo preferido entre as mulheres brasileiras que viajam para acompanhar competições no exterior.

Eu fiquei muito feliz com esse resultado. É muito legal ver as mulheres apoiando, principalmente, as modalidades femininas. Tenho amigas que sempre fazem questão de ir em competições, a minha professora -- que me colocou no futebol -- também gosta muito de acompanhar. Ver que as mulheres se importam, se interessam e nos apoiam no esporte é muito bom mesmo
Debinha

Ainda segundo a pesquisa, 52% das mulheres que gostam de viajar para acompanhar esportes preferem as Olimpíadas, seguidas pela Copa do Mundo masculina de futebol (44%) e jogos da NBA (39%). Entre esse dados, foi notado que 17% das brasileiras que já viajaram para o exterior o fizeram para acompanhar uma competição esportiva.

Esporte