PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Conteúdo publicado há
1 mês

Valentino Rossi diz que continuará nas pistas depois da MotoGP

26/10/2021 11h09

ROMA, 26 OUT (ANSA) - O multicampeão da MotoGP Valentino Rossi, que se despediu no último domingo (24) dos torcedores italianos, revelou que vai continuar nas pistas no ano de 2022, mas guiando carros.   


Rossi lamentou sua aposentadoria da principal categoria da motovelocidade, mas confirmou que não abandonará os circuitos completamente, já que iria ficar "entediado".   


"Lamento muito me aposentar, mas tudo bem. Vou continuar sendo piloto, porque seguirei correndo com carros no ano que vem. Irei permanecer nas pistas, caso contrário eu ficaria entediado. Vou correr com as máquinas GT, das séries de Endurance", disse Rossi em uma entrevista à "Le Iene".   


Já em relação sobre sua despedida da MotoGP, o piloto de Tavullia revelou que pretendia prosseguir na categoria, mas a difícil temporada de 2021 alterou os planos.   


"Pensei em continuar, mas vejo se consigo vencer, subir ao pódio e fazer boas corridas. Mas este ano foi mais difícil do que esperava, eu imaginava estar um pouco mais rápido e fazer menos esforço. O problema é que estou velho, tenho 42 anos, e os outros pilotos possuem 25. Se eu fosse mais jovem, teria havido tempo para reconsiderar", comentou o italiano.   


Em Misano, no Grande Prêmio do "Made in Italy" e da Emilia-Romagna, Rossi fechou em 10º em sua prova de despedida na Itália, mesmo tendo largado em último. O heptacampeão afirmou que foi uma corrida "muito emocionante".   


"Foi um fim de semana muito emocionante, com uma ótima atmosfera. Estava cheio de gente e fiquei feliz em ter conseguido fazer uma boa corrida. Comecei atrás e terminei em 10º, fui bem rápido e fiz algumas ultrapassagens. Me diverti bastante, foi a melhor maneira de dizer adeus para todos os fãs", relembrou o experiente piloto.   


Por fim, Rossi comentou sobre a gravidez da modelo italiana Francesca Sofia Novello, de 27 anos. A bebê é a primeira filha do casal.   


"Saber que você será pai é mais emocionante, já ganhar um mundial oferece maior adrenalina. Alguns nomes que já descartamos são Valentina e Sofia. Nós gostamos de Vittoria, vamos ver", finalizou o piloto.   


Rossi colocará no final da atual temporada um ponto final em uma carreira de quase 30 anos, sendo uma das mais vitoriosas e marcantes da história da MotoGP. Além de ter conquistado o coração de milhares de fãs, o italiano foi um dos grandes responsáveis pela popularização da modalidade.   


O "Doutor" venceu 115 corridas, largou na pole-position em 65 ocasiões e subiu 235 vezes no pódio. Além disso, Rossi conquistou nove títulos mundiais, sendo dois deles nas classes 125cc e 250cc. (ANSA).   


Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Notícias