PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

(

23/02/2021 09h40

(ANSA) - O ex-motociclista italiano Fausto Gresini, bicampeão mundial na categoria 125 cc nos anos 1980 e dono de uma equipe de mesmo nome, morreu nesta terça-feira (23) em decorrência do novo coronavírus.   


Gresini, de 60 anos de idade, teve sua morte confirmada pela escuderia que fundou em 1997.   


"A notícia que nunca quisemos dar e que somos obrigados a escrever. Depois de dois meses batalhando contra a Covid-19, Fausto Gresini nos deixa pouco tempo após completar 60 anos de idade", comunicou a Gresini Racing.   


O italiano teria contraído o coronavírus Sars-CoV-2 pouco antes do Natal e estava internado desde o dia 27 de dezembro, quando seu estado de saúde piorou. Ele ficou nos hospitais Santa Maria della Scaletta, em Ímola, e Maggiore Carlo Alberto Pizzardi, em Bolonha.   


No período, Gresini teve momentos de melhora e de recaídas, mas o estado de saúde do italiano se tornou crítico na última quinta-feira (18).   


Gresini competiu em 12 temporadas (1983 a 1994) e foi campeão mundial de 125cc em 1985 e 1987. Ele também possui um recorde de 11 vitórias consecutivas na categoria, que divide com Angel Nieto.   


Sua equipe conquistou quatro títulos de piloto entre a Moto3, Moto2 e MotoE. Já na MotoGP, foi vice-campeão em três ocasiões com Sete Gibernau e Marco Melandri.   


(ERRATA: O texto veiculou, das 7h55 às 9h42, incorretamente, a informação de que Fausto Gresini faleceu em 22 de fevereiro. A informação correta é que o ex-motociclista morreu dia 23 do mesmo mês.) (ANSA).   


Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Notícias