PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Em nova homenagem, Pelé diz que Maradona é 'incomparável'

03/12/2020 12h40

SÃO PAULO, 3 DEZ (ANSA) - O ex-craque Pelé realizou nesta quarta-feira (2) uma nova homenagem ao ex-jogador Diego Armando Maradona, que morreu aos 60 anos de idade no dia 25 de novembro.   


Em uma publicação em suas redes sociais, o brasileiro escreveu que o argentino "é incomparável" e lamentou que não tenha conseguido se despedir de Maradona.   


"Muitas pessoas adoravam nos comparar durante toda a vida. Você foi um gênio que encantou o mundo. Um mágico com a bola nos pés.   


Uma verdadeira lenda. Mas acima disso tudo, para mim, você sempre será um grande amigo, com um coração maior ainda. Eu sei que o mundo seria muito melhor se pudéssemos comparar menos uns aos outros e passássemos a admirar mais uns aos outros. Por isso, quero dizer que você é incomparável", escreveu o ex-jogador do Santos e do New York Cosmos.   


Pelé ainda comentou que a trajetória de Maradona foi marcada pela "honestidade", tendo também destacado que o "jeito particular" do argentino é um ensinamento para se dizer mais vezes "eu te amo".   


"Sua partida rápida não meu deixou dizer, então apenas escrevo: Eu te amo, Diego. Meu grande amigo, muito obrigado por toda a nossa jornada. Um dia, lá no céu, vamos jogar juntos no mesmo time. E vai ser a primeira vez que eu vou dar socos no ar sem estar comemorando um gol, mas sim, por poder te dar mais um abraço", concluiu o brasileiro.   


Apesar da rivalidade entre os dois gênios do futebol mundial sobre quem foi o melhor em campo, Pelé e Maradona estavam bastante próximos nos últimos anos.   


No aniversário de 60 anos do argentino, em 30 de outubro, o ídolo brasileiro usou as redes sociais para desejar melhoras para Maradona, que estava se recuperando de uma cirurgia no cérebro. Na ocasião, o ex-craque argentino afirmou que era uma "honra" receber os parabéns de Pelé.   


A morte de Maradona chocou o mundo do esporte. O argentino foi enterrado no cemitério Jardín de Bella Vista, localizado na periferia de Buenos Aires. (ANSA).   


Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Notícias