PUBLICIDADE
Topo

Grêmio trata título do turno do Gauchão como atalho e ajuda no calendário

Renato Gaúcho durante partida Grêmio x São José-POA, pelo Campeonato Gaúcho - Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Renato Gaúcho durante partida Grêmio x São José-POA, pelo Campeonato Gaúcho Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA
do UOL

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

17/02/2020 04h00

O Grêmio vai disputar com o Caxias o título do primeiro turno do Campeonato Gaúcho, mas ao mesmo tempo vê um atalho à final do estadual. Depois de eliminar o Internacional em pleno Beira-Rio, o clube gremista celebra a possibilidade de ganhar uma folga no calendário.

A lógica do Grêmio é, em caso de conquista no próximo sábado (22), ter auxílio na agenda de jogos a partir de março. É que o time de Renato Gaúcho começa a jogar a fase de grupos da Copa Libertadores no próximo mês e quer evitar desgaste.

"Se o Grêmio vencer esse turno aqui, vem a Libertadores e pode ser que a gente não jogue sempre com o mesmo time. Por que a gente começou com o time principal? Se o Grêmio ganhar o turno, pode estar na final. É uma vantagem grande para o vencedor do turno. O segundo turno vai ser muito mais tumultuado pela Libertadores", disse o treinador do Grêmio.

A estreia do Grêmio na Libertadores é contra o América de Cali, em 3 de março. Cinco dias depois, o compromisso é contra o Pelotas, também fora de casa, pelo Gauchão. No dia 12, o time de Renato pode encarar o Internacional — que joga fase três contra o Tolima-COL, em casa. Na sequência, enfrenta São Luiz-RS na Arena, visita a Universidad Católica-CHI, vai ao Beira-Rio encarar o Inter pelo estadual e ainda duela com Ypiranga-RS e Novo Hamburgo antes de voltar a jogar a fase de grupos do torneio sul-americano.

O Campeonato Gaúcho, aliás, tem final prevista para os dois domingos separados pela semana em que o Grêmio recebe a Universidad Católica. A partida está agendada para o mesmo dia do show do Metallica na Arena do Grêmio e gera impasse no clube gaúcho.

A decisão do Gauchão só não ocorre se Caxias ou Grêmio vencerem os dois turnos.

Esporte