PUBLICIDADE
Topo

Rizek é alvo de 'discursos de ódio' após fala sobre jogo do Corinthians

André Rizek durante o programa "Seleção SporTV" - Reprodução/SporTV
André Rizek durante o programa "Seleção SporTV" Imagem: Reprodução/SporTV
do UOL

Colaboração para o UOL, em São Paulo

14/02/2020 13h04

Após afirmar que a arbitragem foi 'correta' na eliminação do Corinthians na fase preliminar da Libertadores, o apresentador André Rizek foi alvo de 'discursos de ódio' nas redes sociais. Compartilhando em seu Twitter algumas das mensagens que recebeu em seu Instagram, o jornalista cobrou uma resposta da rede social.

Revoltados com o comentário de Rizek no Seleção SporTV de ontem, os internautas xingaram e ameaçaram o apresentador. Até a polêmica envolvendo o empresário de Pedrinho, Will Dantas, foi lembrada. O jornalista, por sua vez, optou por expor os nomes dos agressores, assim como a 'tóxica' vida na rede.

"Recomendo a quem não tiver estômago para não ler esses discursos de ódio. Exponho essas pessoas/ameaças para mostrar como é tóxica a vida na rede depois de opinar, apenas, que o juiz não roubou o time deles. Espero que o Instagram acate as denúncias e tome alguma previdência", escreveu Rizek

Pouco antes, o apresentador tinha usado as redes sociais para mandar um recado para os corintianos. Além disso, Rizek aprovou a marcação da falta que originou o gol paraguaio e tirou o Timão da competição.

"Aos corintianos que estão xingando o mundo por causa de arbitragem: vocês diminuem o clube com isso. Corinthians é muito maior que uma faltinha duvidosa (para mim, foi) na entrada da área. O que faltou ontem foi competência. Parem de pôr a culpa nos outros, cobrem um time melhor", opinou.

Durante o Seleção SporTV de ontem, Rizek falou que não 'teve nada de anormal na arbitragem', e criticou o técnico Tiago Nunes por culpar um terceiro pela eliminação alvinegra. Em casa, o Corinthians venceu o Guaraní, do Paraguai, por 2 a 1, mas acabou se despedindo da competição.

Esporte