PUBLICIDADE
Topo

Tyson Fury diz se masturbar 7 vezes por dia como preparação para revanche

Tyson Fury, pugilista britânico campeão mundial  - John McCoy/Getty Images
Tyson Fury, pugilista britânico campeão mundial Imagem: John McCoy/Getty Images
do UOL

Do UOL, em São Paulo

14/01/2020 16h57

O lutador de boxe Tyson Fury admitiu hoje que se masturba 7 vezes por dia como parte da preparação para a aguardada revanche contra Deontay Wilder, marcada para o dia 22 de fevereiro na MGM Grand Arena, em Las Vegas (EUA).

"Estou me masturbando sete vezes por dia para manter minha testosterona lá em cima. Eu preciso me manter ativo e com alta taxa de testosterona para a luta. Não quero que os níveis baixem", explicou o britânico, aos risos, em coletiva de imprensa.

Fury ainda falou sobre o corte no supercílio que levou durante o embate em setembro de 2019 contra Otto Vallin, quando precisou levar 47 pontos.

"Eu ainda não fui atingido no olho [desde então]. Eu não vou levar uma porrada no rosto até a luta. Eu não quero correr o risco de perder a luta — caso o corte volte a abrir", acrescentou.

Invictos como pugilistas profissionais, Fury e Wilder só não saíram vitoriosos em uma disputa de boxe justamente quando se enfrentaram pela primeira vez, em dezembro de 2018. Na oportunidade, os pesos-pesados empataram na decisão dos juízes. Com o resultado, Deontay manteve seu cinturão do Conselho Mundial de Boxe, já que era o campeão na época.

Deontay soma, além do empate contra Fury, 42 vitórias em seu cartel, enquanto o rival britânico já teve seu braço erguido em 29 oportunidades dentro dos ringues.

O segundo duelo entre os dois promete credenciar o vencedor para uma eventual unificação de títulos contra Anthony Joshua - peso-pesado detentor dos cinturões da Associação Mundial de Boxe (WBA), Organização Mundial de Boxe (WBO), Federação Internacional de Boxe (IBF) e Organização Internacional de Boxe (IBO).

Esporte