PUBLICIDADE
Topo

Salah faz 2, Liverpool vence no adeus antes do Mundial e abre 10 pontos

14/12/2019 16h20

Londres, 14 dez (EFE).- O Liverpool venceu neste sábado o Watford por 2 a 0, em casa, no último compromisso dos principais jogadores do clube antes da disputa do Mundial de Clubes e, se aproveitou de tropeço do Leicester para abrir vantagem de dez pontos na liderança do Campeonato Inglês.

O atacante egípcio Mohamed Salah abriu o placar aos 38 do primeiro tempo. Ao receber do senegalês Sadio Mané em contra-ataque rápido, o camisa 11 driblou um marcador, entrou na área e cortou para o meio, antes de chutar no ângulo com a perna direita, que não é a boa.

No último minuto do segundo tempo, o atacante belga Divock Origi finalizou mal dentro da área, mas a bola veio na direção de Salah, que completou de letra, novamente com a perna direita, para sacramentar a vitória no estádio Anfield.

Apesar da vitória, o técnico alemão Jurgen Klopp, que hoje escalou quase todos os titulares, entre eles o goleiro Alisson e o atacante Roberto Firmino, também deixou o gramado com uma preocupação: o volante holandês Georgino Wijnaldum, que se lesionou no início do segundo tempo e virou dúvida para a disputa do Mundial.

O Liverpool estreará no torneio internacional, que está sendo disputado no Catar, na próxima quarta-feira, contra o vencedor da partida entre Monterrey, do México, e Al Sadd, do país-sede. No dia anterior, os 'Reds' enfrentarão o Aston Villa pelas quartas de final da Copa da Liga, mas com elenco de reservas e jovens da base.

Com a vitória de hoje sobre o Watford, o Liverpool chegou a 49 pontos e abriu dez de frente para o Leicester, que teve que se contentar com empate com o vice-lanterna, Norwich, em 1 a 1, em partida disputada no King Power Stadium.

O atacante finlandês Teemu Pukki foi o responsável por abrir o placar para os Canários, aos 28 do primeiro tempo. Dez minutos depois, o atacante inglês cabeceou após cobrança de escanteio, o goleiro holandês Tim Krul desviou em direção das redes, e acabou sendo considerado autor de gol contra.

O tropeço mantém o Leicester com 39 pontos, o que significa que o Manchester City pode reduzir a distância para a vice-liderança para cinco pontos, caso passe amanhã pelo Arsenal, fora de casa. O Norwich, por sua vez, segue na vice-lanterna, com 12 pontos.

O Chelsea foi mais um time que vacilou na rodada, ao perder dentro do estádio Stamford Bridge para o Bournemouth por 1 a 0. O gol solitário dos modestos visitantes foi marcado aos 39 do segundo tempo, pelo meia inglês Dan Gosling.

Com a derrota, os 'Blues' ficaram estacionados na marca de 29 pontos, enquanto o Bournemouth está em 14º, com 19 pontos.

Ainda neste sábado, o surpreendente Sheffield United subiu provisoriamente para a quinta colocação, ao bater o Aston Villa por 2 a 0, em casa. O grande nome da partida foi o meia escocês John Fleck, que balançou a rede duas vezes.

O Burnley se afastou da zona de rebaixamento ao bater o Newcastle, em seus domínios, por 1 a 0, graças a gol do atacante neozelandês Chris Wood. Outro que ficou mais longe do Z-3 foi o West Ham, que venceu o Southampton, fora, também pelo placar mínimo, com o atacante francês Sébastien Haller sendo o artilheiro solitário. EFE

Esporte