PUBLICIDADE
Topo

Pablo admite ano difícil no São Paulo, mesmo com vaga na Libertadores

do UOL

Do UOL, em São Paulo

05/12/2019 00h01

Considerado uma das principais contratações do São Paulo, Pablo permanece como o artilheiro do clube no ano, com sete gols. Após a conquista da vaga de grupos para a Copa Libertadores de 2020, o atacante tinha motivos para comemorar. No entanto, ele acredita que poderia ter voado ainda mais alto em 2019. Ausente em boa parte dos jogos por causa de lesões, o jogador reconhece que teve um ano difícil.

"Objetivo conquistado [com a vaga para a fase de grupos da Copa Libertadores]. É óbvio que não era só isso que almejávamos, mas acabou sendo este o objetivo que ficou, Foi um ano muito difícil para mim, com três lesões, sendo duas complicadas e graves. Mas estou feliz de terminar assim e a gente classificar para a Libertadores", disse o camisa 9.

Nesta quarta-feira (4) à noite, no Morumbi, o Tricolor derrotou o Internacional por 2 a 1 e não pode ser mais alcançado no G6 do Campeonato Brasileiro. Desta maneira, o clube paulista terá mais tempo para se preparar para a competição continental de 2020. Na última rodada do nacional, o São Paulo enfrenta o CSA, fora de casa.

"O ano que vem promete, vamos nos resguardar e treinar para jogar da melhor maneira", completou Pablo.

Esporte