Topo

Mauro: "Essa diretoria vai colocando o Palmeiras como isolado e antipático"

do UOL

Do UOL

Em São Paulo

03/12/2019 09h00

Além da derrota para o Flamengo que culminou na saída do técnico Mano Menezes e do diretor de futebol Alexandre Mattos, o Palmeiras também foi criticado pela polêmica decisão do Ministério Público e da Polícia Militar de São Paulo que proibiu a ida de torcedores flamenguistas ao jogo, que teve torcida única mesmo com clubes de Estados diferentes.

Mauro Cezar Pereira citou no primeiro bloco do podcast Posse de Bola que a direção do Palmeiras causa antipatia ao clube com medidas como não baratear os ingressos aos torcedores alviverdes, considerando que havia muitos lugares vazios no Allianz Parque no domingo. Ele citou ainda o bloqueio na rua do estádio que acontece desde a gestão de Paulo Nobre e impede a circulação de quem não tem ingresso no entorno da Arena.

"Essa diretoria vai colocando cada vez mais o Palmeiras como um clube meio isoladão e antipático. São gestões que fecham o clube. Que tivesse 22 mil, você tem 20 mil lugares ainda e nem assim eles baixam o preço do ingresso para o palmeirense que não tem grana, que não tenha o sócio-torcedor. Nem assim", criticou Mauro.

"É uma coisa muito assumida 'aqui é para quem tem grana. Não tem grana e não pode pagar mensalmente, não vem. A rua também não é de vocês'. E aí é a alegação de que vendem coisas ilegais, se alguém vender alguma coisa ilegal, a polícia vai lá e entra em ação", completou.

O jornalista citou que há muitos torcedores descontentes também por esse tipo de medida do clube, de encarecer os ingressos e limitar a circulação em frente ao estádio aos que pagaram ingresso, assim como a falta de uma manifestação do clube contra a medida de torcida única no jogo com o Flamengo.

"Essa gestão isola o Palmeiras. Ela só tem apoio, me parece, daqueles caras mais xiitas que não conseguem nem raciocinar direito, porque muitos torcedores do Palmeiras foram contra [a torcida única contra o Flamengo], especialmente aqueles que gostam de acompanhar o clube, que querem ir ao Rio de Janeiro ver o Palmeiras jogar, querem ir a Belo Horizonte e sabem que se for assim, daqui a pouco o Palmeiras vai jogar só com torcida única em São Paulo e sem torcida do Palmeiras fora, e o Palmeiras tem torcedor no Brasil inteiro", disse Mauro.

Juca Kfouri declarou que a direção do Palmeiras provocou o Ministério Público para que fosse tomada a medida de proibir a ida dos flamenguistas ao estádio palmeirense no jogo de domingo.

"São cínicos, são hipócritas, porque foram fartamente responsáveis pela torcida única. E depois fazem essa nota patética, com 48 horas de atraso. Pensam que alguém é idiota e que não sabe das coisas. Eu tenho informação segura de que o Palmeiras provocou o Ministério Público para que o Ministério Público provocasse a PM para que tomasse a medida que se tomou", declarou Juca.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Esporte