Topo

Lionel Messi fica a uma Bola de Ouro de igualar o recorde de Pelé

do UOL

Brunno Carvalho, Bruno Grossi e Leandro Miranda

Do UOL, em São Paulo

03/12/2019 04h00

A vitória de Lionel Messi no prêmio Bola de Ouro ontem (2) o colocou mais próximo de Pelé. Seis vezes nomeado melhor jogador do mundo pela revista France Football, o argentino está a apenas um troféu de igualar a marca do "Rei do Futebol".

O recorde de Pelé foi atingido muitos anos depois da aposentadoria dos gramados. Na época em que o brasileiro jogava, a France Football tinha como regra premiar apenas o melhor jogador europeu. A norma se manteve até 1995, quando a premiação se expandiu para qualquer atleta que atuasse na Europa. Em 2007, a revista permitiu que jogadores atuando em quaisquer países pudessem ser premiados.

AFP PHOTO / FABRICE COFFRINI
Imagem: AFP PHOTO / FABRICE COFFRINI

A mudança permitiu uma correção histórica na premiação. Em 2014, a France Football revisou toda a lista usando as regras atuais e decidiu conceder a Pelé com sete troféus da Bola de Ouro. Com isso, ele se tornou o jogador mais vencedor da premiação. Na revisão, o brasileiro teria vencido em 1958, 1959, 1960, 1961, 1963, 1965 e 1970.

As Bolas de Ouro foram entregues a Pelé durante a cerimônia realizada no início de 2014. O "Rei do Futebol" chorou enquanto agradecia a honraria. "Eu prometi à minha família que não choraria, mas sou emotivo. Queria agradecer a Deus por ter me dado saúde para jogar por tantos anos. Eu não jogava sozinho, tudo que eu ganhei foi com meus amigos, as pessoas se lembram dos jogadores, mas não podemos esquecer as pessoas que preparam as chuteiras, fisioterapeutas, massagistas. Quero compartilhar com eles este troféu", disse na época.

Esporte