Topo

Arnaldo Ribeiro: "Hoje a torcida do São Paulo tem raiva do time"

do UOL

Do UOL

Em São Paulo

03/12/2019 09h00

A falta de uma sequência de boas atuações do São Paulo desde a chegada do técnico Fernando Diniz tem refletido também na presença dos torcedores do clube no estádio. O clube ainda tem pela frente os jogos contra o Internacional, em casa, e contra o CSA fora para tentar confirmar a vaga direta na fase de grupos da Libertadores.

No podcast Posse de Bola desta semana, Arnaldo Ribeiro citou o terceiro cartão amarelo que Fernando Diniz tomou contra o Grêmio, que o impede de ficar no banco de reservas no confronto direto com o Internacional, no Morumbi, amanhã (4), às 21h30, e falou sobre o sentimento que o treinador invoca nos torcedores dos clubes que dirige.

"Fernando Diniz tem um dom que os torcedores dos times dele passam a ter raiva e abandonam os times. Foi isso o que aconteceu no Athletico, a torcida não ia mais a campo, tinha raiva do time, foi isso o que aconteceu no Fluminense e hoje a torcida do São Paulo tem raiva do time. Nunca aconteceu isso. A torcida do São Paulo a cada jogo vai em menor número ao estádio", disse Arnaldo.

O jornalista lembrou que o São Paulo se beneficia pelas conquistas de Flamengo e Athletico na Libertadores e Copa do Brasil, respectivamente, para estar em posição de brigar por vaga na fase de grupos da competição continental do próximo ano. E acredita que o clube do Morumbi deveria seguir o exemplo do Palmeiras e fazer mudanças para 2020.

"O São Paulo tinha a obrigação de estar entre os três principais do Campeonato Brasileiro. O São Paulo teria que fazer uma 'palmeirada', rapa total, a diretoria inteira e o treinador também. Parte da responsabilidade da mídia entender que o Fernando Diniz é um treinador de futebol capaz de oferecer desempenho ou resultado, ele nunca foi", disse.

"Acreditei que o Diniz pudesse fazer um bom trabalho no São Paulo, mas a cada jogo que passa eu vou me desiludindo com o Diniz", concordou Eduardo Tironi.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Esporte