Topo

Higuita diz que usava drogas e fala da amizade com Pablo Escobar

Higuita, ex-goleiro da Colômbia - Getty Images
Higuita, ex-goleiro da Colômbia Imagem: Getty Images
do UOL

Do UOL, em São Paulo

02/12/2019 18h12

O ex-goleiro colombiano Rene Higuita afirmou em entrevista ao canal argentino TyC Sports que usava drogas como "hobby" durante sua carreira no futebol. Ele ainda explicou que serviu como bode expiatório por conta da sua amizade com o narcotraficante Pablo Escobar.

"Eu nunca consumi drogas para melhorar a minha performance ou jogar futebol, era algo que eu fazia por diversão, como um hobby", disse o ex-atleta. "Ficava no meu sistema por um longo período e depois eu precisava desintoxicar."

"Não era algo constante, mas chegou a ficar no meu sistema", disse sobre seus dois casos de dopping, em 2002 e 2004, quando testou positivo para cocaína.

Higuita passou meses presos nos anos 90 por suspeita de envolvimento de um sequestro organizado por Escobar. Foi por culpa da prisão que ele acabou de fora da Copa do Mundo de 1994.

"Eu fui solto como um homem inocente depois de nove meses, eu processei o estado, ganhei e continuei seguindo com a minha vida", declarou. "Se eu precisar fazer alguma coisa, agir por um bem maior, eu vou agir e se isso me levar à prisão, vamos ser presos."

Esporte