Topo

Vinte anos depois, Paulo Nunes diz que Felipão errou em final contra o Fla

Caio Ribeiro, Régis Rösing e Paulo Nunes em gravação do programa Esporte Espetacular - Divulgação
Caio Ribeiro, Régis Rösing e Paulo Nunes em gravação do programa Esporte Espetacular Imagem: Divulgação
do UOL

Marcelo Tieppo

Colaboração para o UOL

09/11/2019 11h00

Resumo da notícia

  • Paulo Nunes e Caio Ribeio relembraram final da Copa Mercosul de 1999
  • Em seu último título internacional, Flamengo superou o Palmeiras na final
  • Para Paulo Nunes, Felipão errou ao recuar o Palmeiras na segunda partida
  • Flamengo tentará o bi da Libertadores em final contra o River Plate

De olho no bi da Libertadores, o Flamengo quer voltar a conquistar um título internacional depois de 20 anos. O time foi campeão da Copa Mercosul, em 1999, justamente contra o Palmeiras, seu principal rival na luta pelo Brasileirão. Naquele ano, o Rubro-negro levou a melhor depois de vencer no Maracanã por 4 a 3 e empatar no jogo de volta por 3 a 3.

Para relembrar os dois jogos, o Esporte Espetacular reuniu Paulo Nunes, que defendia o Palmeiras, e Caio Ribeiro, que era atacante do Flamengo. "Ao meu ver, o Felipão errou muito nesse jogo. Ele sempre foi muito forte, mas nesse título aí, vacilou. Quando a gente vira, quem entra no meu lugar é o Galeano. Isso faz com que a gente recue. Quando isso acontece, o Flamengo embala", disse Paulo Nunes.

O então atacante do Palmeiras fez a declaração recordando como foi o segundo jogo. Depois de sair na frente com Arce, o Verdão tomou a virada com gols marcados por Caio e Rodrigo Mendes. O time paulista passou à frente novamente com Arce e Paulo Nunes. A vitória forçava o terceiro jogo. Felipão tirou então Paulo Nunes e colocou Galeano para tentar segurar o resultado. Só que Lê marcou o gol de empate e garantiu o título para o Flamengo.

Zinho e Marcelo disputam lance no primeiro jogo da final da Copa Mercosul de 1999 - Ormuzd Alves/Folhapress
Zinho e Marcelo disputam lance no primeiro jogo da final da Copa Mercosul de 1999
Imagem: Ormuzd Alves/Folhapress

Para Caio, as duas partidas só trazem boas recordações. Em entrevista ao repórter Régis Rösing, o ex-atacante relembrou dos três gols que marcou nos jogos decisivos. "Foram dois grandes jogos da minha vida. São três gols contra o Palmeiras, que era campeão de tudo".

A entrevista com os dois ex-jogadores e atuais comentaristas do grupo Globo vai ao ar neste domingo, durante o Esporte Espetacular.

Esporte