Topo

Jungle Fight 96 consagra Natalia Silva e Max Denner como novos campeões

Ag. Fight

20/10/2019 14h53

A 96ª edição do Jungle Fight, que aconteceu em Belo Horizonte, no último sábado (19), coroou novos campeões na organização. Foram eles os mineiros Natalia Silva e Max Denner, nas categorias peso-mosca (57 kg) e peso-leve (70 kg), respectivamente.

Na luta principal da noite, Natalia Silva venceu Gabi Marçal por finalização no primeiro round. O combate começou todo voltado na trocação, mas mudou quando a mineira acertou um belo golpe e levou a adversária ao solo. Com o duelo no chão, a nova campeã da categoria até 57 kg trabalhou por cima até achar uma posição para encaixar um armlock.

No outro confronto que definiu o campeão da categoria dos leves, Max Denner mostrou suas mãos pesadas. Ainda no primeiro round, o peso-leve derrotou Elysson Machado por nocaute técnico. Com este resultado, 'Nana'  manteve sua invencibilidade na carreira após seis pelejas.

Na única luta entre pesos-pesados, João Zaiden ignorou as últimas provocações de Carlos Monstro, que aconteceu durante a pesagem oficial do show, na última sexta-feira. O lutador venceu por nocaute técnico após colocar seu adversário contra a grade e trabalhar a trocação até o árbitro interromper a luta.

Confira os resultados completos:

Natalia Silva finalizou Gabi Marçal por armlock
Max Denner derrotou Elysson Machado por nocaute técnico
Heider Caetano finalizou Romario Martins
Werley Mão de Pedra derrotou Heinrich Caceres por decisão unânime dos jurados
Carlos Monstro derrotou João Victor Zaiden por nocaute técnico
Fernando Ben 10 derrotou João Oliveira por decisão unânime dos jurados
Adriano Nunes derrotou Joelson Nascimento por nocaute técnico
Patricio Tiradentes derrotou Gabriel Vitorino por decisão unânime dos jurados
Deberson The Prince derrotou Fhabio Mir por decisão dividida dos jurados
Wallace Itália finalizou Henrique Prota
Arthur Barros finalizou Jeferson Alves
Leandro Camargos finalizou Lucas Soares
Macksuel Laudino finalizou Ronaldo Saminez
Marcus Samuel finalizou Jeferson Lourenço

Esporte