Topo

Santos recebe Ceará por recorde defensivo e quer arrancar no Brasileiro

Gustavo Henrique comemora seu gol pelo Santos contra o Goiás, na arrancada do primeiro turno - Ivan Storti/Santos FC
Gustavo Henrique comemora seu gol pelo Santos contra o Goiás, na arrancada do primeiro turno Imagem: Ivan Storti/Santos FC
do UOL

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

17/10/2019 04h00

O Santos enfrenta o Ceará na noite de hoje (17), às 19h15, na Vila Belmiro, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time de Jorge Sampaoli luta para arrancar no torneio e pode conseguir um recorde defensivo na temporada: cinco jogos sem sofrer gols.

O goleiro Everson não busca a bola no fundo das redes desde o empate contra o Fluminense (1x1), quando levou um fogo amigo de Lucas Veríssimo, que marcou contra. A sequência de quatro jogos já foi alcançado no ano, quando venceu Mirassol e Guarani e empatou com Palmeiras e River Plate (URU), mas sofreu gol no quinto jogo.

"É muito importante essa sequência de jogos sem tomar gols. Nestes últimos quatro jogos, conseguimos dez pontos em 12 disputados e isso é muito bom. Se mantivermos essa pegada até o final do ano, vamos brigar por coisas grandes", comemorou Gustavo Henrique.

Nos últimos quatro jogos, o técnico Jorge Sampaoli alternou entre dois e três zagueiros e teve igual eficiência. A linha de três foi escolhida nos jogos fora, contra Vasco e Internacional. Já nos jogos na Vila, o argentino optou por dois zagueiros apenas.

O adversário desta noite traz boas recordações ao Peixe. Foi o 1 a 0 contra o Ceará no primeiro turno, no Castelão, que iniciou a sequência de sete vitórias consecutivas que levou o Santos ao topo da classificação do Brasileirão.

O time de Sampaoli sabe que a única chance de alcançar o líder isolado Flamengo é repetindo os bons resultados do primeiro turno. O passo inicial é a vitória hoje diante dos cearenses.

FICHA TÉCNICA

Data: 17/10/2019 (quinta-feira)
Horário: 19h15 (de Brasília)
Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Árbitro: Rafael Traci (SC)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Johnny Barros de Oliveira (SC)
VAR: Leandro Pedro Vuaden (RS)

Santos: Everson; Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Luan Peres (Jorge); Jobson (Victor Ferraz), Pituca, Evandro e Sánchez; Soteldo (Venuto), Tailson e Sasha. Técnico: Jorge Sampaoli

Ceará: Diogo Silva; Samuel Xavier, Valdo (Luiz Otávio), Tiago Alves e João Lucas; Fabinho, William Oliveira (Felipe Silva), Ricardinho, Thiago Galhardo e Mateus Gonçalves; Juninho Quixadá. Técnico: Adilson Batista

Esporte