Topo

Cain Velasquez revela "benção" de Dana White em sua ida para a WWE

Alexis Cuarezma/Getty Images/AFP
Imagem: Alexis Cuarezma/Getty Images/AFP

Diego Ribas, em Las Vegas (EUA)

Ag. Fight

14/10/2019 06h00

Após a confirmação oficial de sua contratação pela WWE (liga de pro wrestling americana), Cain Velasquez vai mesmo se desligar do UFC e, consequentemente, abandonar o MMA profissional. Apesar disso, em conversa com a imprensa - com a presença da equipe de reportagem da Ag. Fight -, o lutador revelou que Dana White, presidente do Ultimate e agora seu ex-chefe, deu sua "benção" para a mudança de carreira e lhe agradeceu pelos serviços prestados à organização comandada por ele.

Considerado um fenômeno em seu início de carreira, Velasquez logo conquistou o título da categoria peso-pesado do UFC, em outubro de 2010. Cain teve o cinturão da categoria em sua posse por quase quatro anos, contando seus dois reinados, mas o americano de ascendência mexicana viu sua carreira prejudicada por algumas lesões, que o impediam de manter-se saudável e em atividade. Com apresentações cada vez mais espaçadas no octógono e resultados já não tão favoráveis, o lutador resolveu migrar para o telecatch e se aposentar do MMA. Porém, de acordo com o próprio atleta, Dana White - principal dirigente do Ultimate - compreendeu sua escolha de deixar a entidade e assinar com a WWE.

"Nós conversamos pelo telefone e ele (Dana White) me apoiou 100%. Foi uma boa e respeitável conversa que tivemos. Ele me agradeceu por tudo que eu fiz, eu o agradeci, e a companhia, por tudo que eles fizeram, e ele me deu sua benção total. Ele disse: 'É maravilhoso o que você está fazendo, vá em frente. Você tem minha permissão para ir em frente e fazer o que você quer fazer'", relatou Cain.

Velasquez encontrará no telecatch combates com movimentos e resultados já pré-combinados, visando sempre o maior entretenimento possível para o público. Na WWE - uma das maiores organizações de pro wrestling no mundo - o lutador terá que conviver com, além da clara mudança no estilo dos confrontos, a idolatria de milhões de fãs no planeta. E, mesmo com pouco tempo neste meio, Cain já percebeu a diferença entre os torcedores das lutas simuladas e os do MMA.

"É diferente. O público da WWE é o mais eletrizante e mais maluco que eu já vi. É diferente de lutar (MMA), quando você não pensa na torcida, foca apenas no que você tem que fazer contra seu oponente, e você bloqueia o público. E isso é diferente, você toma conhecimento da torcida, a energia deles pode te ajudar no que você está fazendo. De novo, eu estou aprendendo o máximo que eu posso, mas é um 'animal' diferente", declarou o ex-campeão peso-pesado do UFC.

Outra alteração em seu cotidiano, no entanto, foi comemorada por Cain. Com sua saída do UFC, e pelo fato de a WWE não possuir controle antidoping, Velasquez não precisará mais se submeter aos exames realizados pela USADA (agência americana antidoping). O lutador está particularmente animado por não passar mais pelos testes surpresa feitos pela entidade, que, segundo ele, poderiam ser extremamente inconvenientes.

"Eu vou me retirar disso (controle antidoping da USADA). É ótimo não ver a USADA bater na minha porta às sete horas da manhã, quando eles querem, e me tirar da cama. Então, sim, estou satisfeito em ser retirado da USADA", finalizou o atleta.

Cain Velasquez estreará na WWE no evento 'Crown Jewel', marcado para acontecer no dia 31 de outubro, na Arábia Saudita. O ex-campeão do UFC terá como oponente Brock Lesnar, um dos maiores astros do pro wrestling americano e a quem já derrotou no octógono do Ultimate em outubro de 2010, quando conquistou pela primeira vez o cinturão peso-pesado da maior organização de MMA do planeta.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Esporte