Topo

Piazón desencanta em Portugal e tenta se firmar em sexto país diferente

Lucas Piazón comemora após marcar pelo Rio Ave contra o Sporting - Gualter Fatia/Getty Images
Lucas Piazón comemora após marcar pelo Rio Ave contra o Sporting Imagem: Gualter Fatia/Getty Images
do UOL

Marcus Alves

Colaboração para o UOL, em Lisboa

10/10/2019 04h00

No fim de setembro, Paulo Ferreira, ex-lateral do Chelsea, esteve no Mineirão para acompanhar confronto entre Atlético-MG e Colón de Santa Fé, pelas semifinais da Copa Sul-Americana. O dirigente dos ingleses queria ver como o atacante Nathan estava se saindo em seu empréstimo ao clube mineiro. Ele é o responsável por supervisionar cada um dos 27 jogadores cedidos pelos londrinos ao redor do mundo. Um deles, em especial, conta com o seu carinho maior: Lucas Piazón, que enfim se destaca com a camisa do Rio Ave atuando no sexto país diferente na Europa.

Badalado desde cedo na base do São Paulo, Piazón se encontra agora em mais um novo destino desde que começou a ser emprestado pelo Chelsea. Além de Portugal, o atacante de 25 já atuou em Inglaterra, Alemanha, Espanha, Holanda e Itália.

O último marcou possivelmente a sua pior experiência até aqui, já que o jogador amargou o rebaixamento com o Chievo em uma temporada para esquecer. Depois de se firmar no Fulham, ele carregava a expectativa de ser comprado em definitivo, mas não viu os clubes chegarem a acordo e ficou em Stamford Bridge com a promessa de que atuaria com o técnico Maurizio Sarri.

As chances, no entanto, não vieram e no fim de janeiro ele foi mandado para o Chievo, onde registrou apenas 81 minutos em quatro partidas.

Segundo apurou o UOL Esporte, Ferreira acha que Piazón "estava maltratado" e precisava de uma atenção especial nesta temporada. Por isso, está tendo agora os seus passos seguidos de perto no Rio Ave. Como forma de suavizar a troca intensa de países, foi emprestado até junho de 2021, assegurando, assim, maior estabilidade para desenvolver o seu trabalho.

Em fase de adaptação, o atacante ainda não conseguiu deslanchar de vez, mas já desencantou ao marcar contra o Sporting, fora de casa, no fim do mês passado.

A expectativa é que, com a pausa para data Fifa e maior tempo para treino em outubro, ele consiga cavar o seu lugar e encontrar espaço na equipe comandada pelo técnico Carlos Carvalhal, quem enfrentou na segunda divisão inglesa mais de uma vez.

"Conheço bem o Lucas, joguei várias vezes contra o Fulham em dois anos [no comando do Sheffield Wednesday]. Acho que foram cinco jogos. É um jogador que vai acrescentar qualidade ao elenco, muito bom finalizador, perfil de equipe, com grande caráter também", disse o treinador, em entrevista coletiva recente.

"Esse é um denominador comum aos jogadores que trouxemos. Porque todos eles abdicaram de ganhar muito dinheiro para poder vir ao Rio Ave relançar suas carreiras. E normalmente quem abdica de dinheiro pela carreira são pessoas de caráter forte. E, nesse sentido, estamos muito contentes. Estamos aqui para ajudá-los, e eles têm que fazer obviamente seu trabalho, porque a competição no clube é boa, sadia, temos dois atletas por posição", completou.

Ao todo, Piazón realizou três partidas até o momento. Depois de ser titular e balançar as redes contra o Sporting em Lisboa, ele acabou ficando no banco nos dois compromissos seguintes e não foi utilizado.

Ele tem o apoio no dia a dia da namorada Ela Kawalec, modelo polonesa que chegou a ter o seu nome ligado ao do ator Leonardo DiCaprio no passado. O casal aproveita as folgas para passear pelo Porto, segunda maior cidade portuguesa e que fica próxima à litorânea Vila do Conde, que abriga o Rio Ave.

Day off with my ??

Uma publicação compartilhada por Lucas Piazon (@lpiazon) em

Depois do mal-estar causado com uma entrevista recente em que decretou o fim de seu ciclo no Chelsea mesmo com contrato por cumprir até 2022, Piazón tem sido blindado do contato com a imprensa para evitar novas controvérsias. O seu entorno quer que ele evite falar do passado e se concentre no novo desafio. Ele teve o empréstimo intermediado pelo agente Umberto Riva, que participou da ida de Gerson para o Flamengo.

Enquanto isso, o ex-são paulino aguarda por novas visitas de Paulo Ferreira nesta temporada. A próxima delas pode acontecer no dia 19, quando o Rio Ave volta a campo contra o Condeixa, pela Taça de Portugal.

Mais Esporte