Topo

Messi pensou em deixar a Espanha devido aos problemas com o fisco

09/10/2019 16h56

Barcelona, 9 Out 2019 (AFP) - O capitão do Barcelona, Lionel Messi, confessou nesta quarta-feira que passou por sua cabeça a possibilidade de deixar a Espanha devido a seus problemas com o fisco espanhol, mas agora só pensa em "encerrar aqui" sua carreira.

"Houve momentos em que a gente acaba ficando esgotado, por circunstâncias, por casos, tive vários momentos assim, principalmente nos anos de 2013, 14, em diante... Quando comecei a ter problemas com a receita", disse Messi em uma entrevista para a rádio catalã Rac1.

"Fui o primeiro e por isso tudo foi tão duro, depois que foram cruéis comigo, mostraram que iam partir para cima de todos os esportistas, os jogadores, foi duro por tudo o que aconteceu nesse momento", acrescentou o astro argentino.

Messi foi condenado em julho de 2016 a 21 meses de prisão, pena convertida em uma multa de 252.000 euros, por ter fraudado o fisco espanhol em 4,16 milhões de euros da renda por direitos de imagem entre 2007 e 2009 por meio de uma estrutura societária.

"Nessa época eu tinha na cabeça a ideia de ir embora, não por querer deixar o Barça, mas para sair da Espanha. Eu me sentia muito maltratado, e senti que não queria ficar mais aqui", contou Messi à Rac1.

Mas isso parece ter ficado para trás e Messi reiterou sua ideia de encerrar sua carreira no Barcelona.

"Obviamente, se querem me ver feliz, minha ideia é sempre ficar aqui, sempre foi assim e continua sendo. Não mudou nada", afirmou o capitão azulgraná.

- A adaptação de Griezmann -"Hoje cada vez está mais claro que minha ideia e da minha família é encerrar aqui, primeiro por nós, por como estou no clube, segundo pela família, pelo que estamos vivendo de bom nesta cidade", disse.

Ele também reconheceu que sempre teve o sonho, em um final de carreira, de "poder jogar no Newell's, poder viver a experiência de jogar no futebol argentino, porque tudo o que cerca o futebol argentino é muito diferente, com suas coisas boas e suas coisas ruins".

"Mas, às vezes é preciso pensar mais na família do que no que se quer", sentenciou Messi, para quem no Barcelona "esta temporada acho que temos um elenco com excelentes jogadores para poder optar e ganhar tudo".

A esse plantel chegou na última janela do mercado de transferências o francês Antoine Griezmann, que o cinco vezes Bola de Ouro está convencido de que vai acabar se adaptando.

"Ele vem acostumado a jogar de uma forma muito diferente de como fazemos aqui, mas não temos dúvida de que vai acabar conseguindo porque é um jogador de muita qualidade, muito inteligente e vai acabar se adaptando", afirmou Messi, que negou categoricamente os rumores de que não queria o francês na equipe.

"Isso é mentira", disparou o capitão azulgraná. "Eu afirmei em algumas declarações que ele era um dos melhores e obviamente, os melhores sempre são bem-vindos para o projeto vencedor que todos nós queremos", disse Messi à emissora catalã.

gr/mcd/aam

Mais Esporte