Topo

Gabigol enche a bola de Arrascaeta após vitória do Fla: "É diferenciado"

do UOL

Do UOL, no Rio de Janeiro

21/09/2019 19h14

Resumo da notícia

  • Gabigol não cansa de elogiar Arrascaeta, seu companheiro de Flamengo
  • Os dois fizeram os gols na vitória em cima do Cruzeiro em pleno Mineirão
  • Gabriel disse que Arrascaeta é diferenciado e que poucos têm essa qualidade

O Flamengo venceu mais uma e segue firme na liderança do Campeonato Brasileiro. A vítima da vez foi o Cruzeiro, derrotado por 2 a 1 no Mineirão. Um jogador, em especial, teve mais motivos para comemorar: o meia De Arrascaeta, que fez valer a "Lei do ex" em grande estilo.

O golaço do uruguaio, com direito a corta-luz de Gabigol - que também deixou o seu -, foi motivo de comemoração para a dupla. Na saída de campo, o artilheiro do Brasileirão com 17 gols fez questão de "encher a bola" do parceiro.

"Ele é diferenciado. São poucos craques que tem no futebol brasileiro, e ele faz coisas que realmente não estamos acostumados. É muito diferenciado. Faz gol de bicicleta, hoje fez um belo gol e ainda ia fazer outro golaço. Eu fiquei bravo que ele não passou a bola, mas acontece", disse Gabigol.

O gringo retribuiu os elogios do camisa 9, exaltando o corta-luz em seu gol e o importante resultado conquistado no Mineirão.

"Ele é matador mas viu que eu estava por trás. Foi inteligente, como sempre. Hoje o importante é que a gente venceu. Sabíamos que seria um jogo difícil, mas viemos com tudo para conseguir essa grande vitória", declarou Arrascaeta.

E mesmo que tenha deixado o Cruzeiro em negociação polêmica, o uruguaio demonstrou carinho pela equipe celeste, desejando que o clube saia da situação difícil que vive no Brasileirão.

"Hoje o que queria era vencer o jogo. (O Mineirão) É um lugar especial para mim, mas deixei isso de lado. Espero que o Cruzeiro volte a ser o que era antes, pelos meus companheiros, saia desse momento difícil na competição".

Em 17º lugar com 18 pontos, o Cruzeiro segue na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. A situação no Z-4 pode piorar caso o Fluminense vença o Goiás amanhã (22), às 19h, no Serra Dourada.

Mais Esporte