Topo

Veteranos da NFL sofrem com lesões e problemas em campo. Menos Tom Brady

Tom Brady em ação durante jogo de pré-temporada do New England Patriots contra o New York Giants - Maddie Meyer/Getty Images/AFP
Tom Brady em ação durante jogo de pré-temporada do New England Patriots contra o New York Giants Imagem: Maddie Meyer/Getty Images/AFP
do UOL

Lucas Tieppo

Colaboração para o UOL, de São Paulo

20/09/2019 12h13

A vida não está fácil para os quarterbacks veteranos na atual temporada da NFL. Bem, a vida não está fácil para quase todos os veteranos. Enquanto Eli Manning, Drew Brees, Ben Roethlisberger e Philip Rivers sofrem com lesões ou atuações oscilantes, Tom Brady segue jogando no mais alto nível em busca do sétimo título da liga.

Os cinco quarterbacks formam o quinteto dos titulares mais velhos da posição. Brady tem 42 anos, Brees tem 40, Manning tem 38 e Roethlisberger e Rivers têm 37.

Brady e o New England Patriots somam suas vitórias em dois jogos, com incríveis 76 pontos somados e apenas três sofridos. O quarterback já lançou cinco touchdows e não sofreu nenhuma interceptação. O camisa 12 tem o melhor aproveitamento em tentativas de passes desde 2007. A amostra ainda é pequena, mas os 68,8% de acerto impressionam.

O jogador dos Patriots é quem tem o melhor desempenho entre os cinco jogadores mais velhos da posição, sendo que Brady é o mais velho.

A situação mais complicada é a de Ben Roethlisberger, de 37 anos. O jogador do Pittsburgh Steelers sofreu uma grave lesão no cotovelo direito durante a derrota para o Seattle Seahawks no domingo (15) e perderá todo o restante da temporada após a cirurgia.

Os Steelers perderam as duas partidas disputadas na temporada e Big Ben não teve um grande desempenho dentro de campo. O jogador não anotou nenhum touchdown e foi interceptado uma vez. O substituto Mason Rudolph, novo dono da posição, quase virou a partida contra os Seahawks com passes para dois touchdowns e 112 jardas lançadas, além de uma interceptação.

Brees também não teve um bom domingo. O jogador do New Orleans Saints também se machucou e ficará um tempo afastado dos campos, mas com menos gravidade que Roethlisberger.

O quarterback dos Saints sofreu uma lesão no polegar da mão direita após ser tocado por Aaron Donald na partida contra o Los Angeles Rams. Segundo a franquia, que perdeu um jogo e venceu outro na temporada, Brees ficará seis semanas afastado por causa do rompimento de um ligamento, o que pode atrapalhar os planos do time na briga pelos playoffs.

A missão de manter o time vivo na temporada será de Terry Bridgewater, dono do maior salário entre os reservas da posição.

Já Philip Rivers, quarterback do Los Angeles Chargers, segue saudável e em um dos times favoritos ao título, mas tem oscilado nas duas primeiras rodadas. Na estreia, contra o Indianapolis Colts, o camisa 17 lançou para três touchdowns e liderou o time na vitória por virada. Já contra o Detroit Lions, ele foi interceptado no último lance do jogo e os Charges acabaram derrotados.

A situação mais melancólica é a de Eli Manning. Quarterback do New York Giants desde 2004, o jogador está em declínio há alguns anos e perdeu a titularidade para Daniel Jones após os dois primeiros jogos da temporada.

Como tem apenas mais um ano de contrato, Manning, bicampeão da NFL, deverá encerrar a sua carreira no banco de reservas.

Mais Esporte