Topo

Carille vê Corinthians "dentro da normalidade", mas cobra melhor pontaria

do UOL

Arthur Sandes

Do UOL, em São Paulo

21/07/2019 18h43

O resultado acabou não sendo o ideal, mas Fábio Carille mostrou satisfação com o desempenho do Corinthians no empate por 1 a 1 com o Flamengo, hoje. Em entrevista coletiva na Arena, o treinador naturalizou a demora para o time se acertar, mas chegou a se dizer "muito feliz" pela evolução após a pausa da Copa América.

"Estamos em uma normalidade mais do que esperada", avaliou Carille na primeira resposta que deu. "Ter conjunto leva um tempo mesmo, mas o grupo está dando uma resposta legal e mostrando o que trabalhamos na Copa América. Sei que os testes não foram bons, mas agora está melhorando", entende o treinador corintiano.

É uma visão do copo meio cheio. A atuação defensiva do Alvinegro foi muito boa hoje, praticamente neutralizando as ações do Flamengo, mas na frente voltou a faltar capricho na hora do passe decisivo. O Corinthians levou perigo na bola aérea e fez o gol após pênalti sofrido por Vagner Love em contra-ataque, mas as jogadas trabalhadas não conseguiram envolver tão bem o adversário.

Para Carille, a solução é chutar melhor. "O que temos é que acertar mais o gol. Hoje foram 13 chutes, mas só três no gol. Então temos que melhorar essa pontaria e incomodar mais o goleiro adversário. Esta é nossa busca agora, mas fico muito feliz pela resposta que o grupo tem dado", disse o técnico.

A satisfação dele com a atuação ficou clara durante o próprio jogo: a primeira substituição aconteceu apenas aos 38 minutos do segundo tempo, momentos antes de Gabigol empatar o jogo. Era um bom período do Corinthians, que havia parado de permitir lances de perigo ao adversário.

"Tem jogos em que a gente demora para mexer porque [o time] está tão bem que você tem medo de mexer e as coisas não acontecerem. Não é pela qualidade de quem vai entrar, é para não mexer ali", explicou Carille.

O treinador agora tem três dias de treinos antes de o Corinthians receber o Montevideo Wanderers (URU) no jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana. São duas atividades abertas à imprensa, com o terceiro treino reservado a ajustes secretos. O duelo contra os uruguaios ocorre às 21h30 (de Brasília) de quarta-feira (24).

Mais Esporte