Topo

"Cheio de vontade", David Braz revive concorrência e elogia grupo do Grêmio

Lucas Uebel/Grêmio
David Braz já vinha treinando com o Grêmio e foi apresentado oficialmente Imagem: Lucas Uebel/Grêmio
do UOL

Do UOL, em Porto Alegre

2019-07-11T18:01:20

11/07/2019 18h01

David Braz foi apresentado oficialmente pelo Grêmio hoje (11) no CT Luiz Carvalho. E na entrevista coletiva que concedeu, se disse cheio de vontade de estrear e conquistar títulos pela equipe gaúcha. Além disso, contou que a concorrência não é novidade na carreira.

"São jogadores de muita qualidade, ídolos da torcida. Mas quando cheguei no Flamengo, a defesa era Fábio Luciano e Ronaldo Angelim. Tive minhas chances e fiz 100 jogos lá. No Santos, a zaga era Edu Dracena e Durval, haviam acabado de ganhar a Libertadores, mas tive minhas oportunidades, acabei virando capitão e titular do time. É outro desafio que tenho, mas trabalhando vou conquistar meu espaço. Sabendo que a concorrência é muito boa com Geromel, Kannemann, Paulo Miranda, Rodrigues, todos com condições de jogar e ajudar o Grêmio", disse.

Segundo ele, a qualidade do grupo motivou a opção por firmar com o Tricolor. O contrato assinado vai até 2021.

"Estou muito feliz e honrado de vestir a camisa do Grêmio. Um dos maiores clubes do país e até do mundo, campeão mundial, conhecido em todo lugar. Estou muito honrado e sei da responsabilidade que é. Não só pelo histórico ou as conquistas atuais, mas pelo elenco que tem. Os dois titulares na zaga são ídolos da torcida, e ainda bem que estão do meu lado. Todos os zagueiros do grupo são muito bons e fico feliz de estar neste elenco", comentou.

Braz não quis explicar suas características, sorriu, brincou, se mostrou bastante à vontade, e só prometeu empenho pelas conquistas que espera ter.

"Posso dizer que sou um jogador que vai defender o Grêmio com muita raça e vontade. Que tem a cara do Grêmio, que se entrega em campo procurando ajudar ao máximo. É o que o grupo tem feito, vem dando certo, sempre conquistando e brigando por mais títulos. Sou mais um jogador que está cheio de vontade de conquistar também", finalizou.

Com 32 anos, David Braz passou por Palmeiras, Vitória, Panathinaikos-GRE, Santos, Flamengo e estava no Sivasspor, da Turquia.

Mais Esporte