Topo

Grêmio aguarda assinatura de renovação para promover centroavante da base

Divulgação/Grêmio FBPA
Da Silva depende de assinatura em novo contrato para ser chamado por Renato Gaúcho Imagem: Divulgação/Grêmio FBPA
do UOL

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

2019-06-19T04:00:00

19/06/2019 04h00

O Grêmio planeja promover jovens ao time principal logo depois da Copa América, mas um dos nomes ainda depende de detalhes burocráticos para ser observado diariamente por Renato Gaúcho. Trata-se de Da Silva, centroavante com destaque no time sub-20, e que ainda não assinou renovação de contrato. A prorrogação está apalavrada há semanas.

Aos 20 anos, Da Silva tem contrato até o final do ano com o time gaúcho. Grêmio e o estafe do jogador afirmam que os termos do novo contrato estão acertados. Falta a assinatura do novo vínculo, que já deveria ter ocorrido. As duas partes também coincidem na explicação para a demora: ajustes burocráticos.

Da Silva foi um dos destaques do Grêmio na Copa RS, no final do ano passado, e também na Copa São Paulo de Futebol Junior, em 2019. À época, ele chegou a ser sondado por clubes do leste europeu, quase simultaneamente houve início das tratativas para renovação.

A ideia do Grêmio é observar Da Silva no dia a dia. A promoção a ser confirmada depois da Copa América segue método que Renato Gaúcho tem empregado desde 2017. O treinador recebe avaliação da base, chama jovens para treinos pontuais e depois promove de vez.

Da Silva já participou de treinos recentes com o grupo principal. Sendo promovido de maneira definitiva, ele disputará posição com André e Felipe Vizeu. Diego Tardelli também deverá ser testado na função ao longo do segundo semestre.

O Grêmio se reapresenta em 24 de junho, no CT Presidente Luiz Carvalho, mas no mesmo dia já viaja a Viamão. O grupo de jogadores ficará concentrado em um ecoresort na região metropolitana até o final do mês. O próximo jogo oficial acontece em 10 de julho, contra o Bahia, pelas quartas de final da Copa do Brasil.

Mais Esporte