Topo

Militão abandona treino com dores no quadril e será reavaliado no domingo

2019-06-15T18:14:00

15/06/2019 18h14

São Paulo, 15 jun (EFE).- O zagueiro Éder Militão sentiu dores no lado esquerdo do quadril neste sábado e precisou abandonar o treino da seleção brasileira, mancando, para ser observado pelos médicos, que farão uma reavaliação no domingo, em Salvador.

Os jogadores treinaram hoje no CT do Palmeiras, em São Paulo, um dia após a vitória por 3 a 0 sobre a Bolívia no estádio do Morumbi, na partida de abertura da Copa América.

Apesar da preocupação a respeito de Militão, o treino deste sábado contou com o retorno do volante Arthur, que se recuperou de dores no joelho direito que o deixaram fora da estreia no torneio continental.

A expectativa era que Arthur fosse titular contra a Bolívia, mas devido à lesão foi substituído por Fernandinho. Recuperado, o jogador do Barcelona deve começar jogando na terça-feira, contra a Venezuela, na Arena Fonte Nova.

Só foram a campo neste sábado os reservas da partida de ontem, os jogadores que atuaram realizaram treino regenerativo. A seleção viajará ainda nesta noite a Salvador. EFE

Mais Esporte