Topo

Palmeiras se blinda de "oba-oba" para manter foco contra rival de Série C

Alan Morici/AGIF
Palmeiras vem de goleada sobre o Santos no Campeonato Brasileiro Imagem: Alan Morici/AGIF
do UOL

Leandro Miranda

Do UOL, em São Paulo

2019-05-22T04:00:00

22/05/2019 04h00

Embalado pela liderança do Campeonato Brasileiro e vindo de uma goleada por 4 a 0 sobre o rival direto Santos, o Palmeiras entra em campo hoje, às 19h15 (de Brasília), contra o Sampaio Corrêa, preocupando-se em não deixar o foco escapar. O clube tem buscado se blindar dos elogios em excesso após a grande vitória no final de semana para que o nível de atuação se mantenha diante do time maranhense em São Luís, em duelo válido pela ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

O adversário de hoje, no papel, não está à altura do Santos que foi atropelado pelo Verdão há apenas quatro dias no Pacaembu. Aliás, das últimas cinco partidas, o Sampaio só venceu uma. Ainda assim, é o atual campeão da Copa do Nordeste e vice-líder de seu grupo na Série C do Brasileirão, dois pontos atrás do Ferroviário-CE. Para o meia Hyoran, o Palmeiras não pode deixar a guarda baixar.

"A gente sabe que quando tem jogos assim, eles têm uma motivação maior, por estar jogando contra um time como o Palmeiras. A gente sabe que eles vão impor uma dificuldade dentro de campo nesse sentido", avaliou o meia, que disse que o objetivo é manter a intensidade e o desempenho apresentados contra o Santos.

Uma mostra da dificuldade que pode esperar o Palmeiras é que, das duas últimas vezes em que o time paulista visitou o Sampaio Corrêa pela Copa do Brasil, em nenhuma conseguiu sair com a vitória. Em 2014, a equipe treinada por Gilson Kleina perdeu por 2 a 1 em São Luís, mas reverteu em São Paulo com um 3 a 0. Já em 2015, sob o comando de Oswaldo de Oliveira, o Verdão empatou por 1 a 1 no Maranhão, mas depois goleou em casa por 5 a 1.

O técnico Luiz Felipe Scolari não levou força máxima para a capital maranhense. Seis jogadores não viajaram e devem se juntar à delegação somente em Brasília, onde o Palmeiras enfrenta o Botafogo no sábado, pelo Campeonato Brasileiro. São eles: o lateral Marcos Rocha, o zagueiro Luan, o volante Bruno Henrique e os meias Zé Rafael, Raphael Veiga e Gustavo Scarpa.

A tendência é que Felipão escale um time misto no Castelão. Um dos titulares que certamente estará em campo é Felipe Melo, já que o volante está suspenso pelo terceiro cartão amarelo para o jogo contra o Botafogo. Outros nomes importantes como Weverton, Gustavo Gómez, Dudu e Deyverson também têm chance de "escapar" do rodízio e começar jogando.

"É possível, e o objetivo é esse, manter o nível", disse Hyoran. "Todo mundo fala da qualidade do elenco, então a gente tem esse objetivo de manter, fazer um jogo consistente da forma que foi (contra o Santos). Mas a gente sabe que não é simples, vai ser um jogo difícil lá, tem que entrar concentrado para fazer um bom jogo".

FICHA TÉCNICA

Sampaio Corrêa x Palmeiras

Local: Estádio Castelão, em São Luís (MA)
Data: 22 de maio de 2019 (quarta-feira)
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo D'Alonso Ferreira (SC)
Assistentes: Helton Nunes e Alex dos Santos (SC)

Sampaio Corrêa: Andrey; Éverton, Douglas Assis, Moisés Lucas e Patric Calmon; Eloir, Diones, Dedé e Cleitinho; João Paulo e Salatiel. Técnico: Julinho Camargo

Palmeiras: Weverton; Mayke, Antônio Carlos, Edu Dracena (Gustavo Gómez) e Victor Luís; Felipe Melo, Moisés e Lucas Lima; Dudu, Hyoran (Carlos Eduardo) e Deyverson (Borja). Técnico: Luiz Felipe Scolari

Mais Esporte