PUBLICIDADE
Topo

Cerro Porteño vence, e Galo fica distante dos líderes no grupo E

13/03/2019 22h08

Assunção, 13 mar (EFE).- Derrotado pelo Nacional do Uruguai ontem, o Atlético-MG viu sua situação no grupo E da Taça Libertadores ficar ainda mais complicada nesta quinta-feira com a vitória do Cerro Porteño por 2 a 1 no estádio General Pablo Rojas, em Assunção.

O Cerro, que na primeira rodada derrotou o Galo por 1 a 0 em pleno Mineirão, assumiu a liderança da chave, com seis pontos e número de gols marcados maior que o Nacional, segundo colocado.

Ambos estão bem distantes do time dirigido por Levir Culpi, que ainda não pontou, assim como o campeão venezuelano, e segura a lanterna também devido aos critérios de desempate.

O grande nome da partida na capital paraguaia foi o experiente Nelson Valdez, autor dos dois gols dos donos da casa. O ex-jogador de Werder Bremen e Borussia Dortmund, entre outros, abriu o placar aos 20 minutos do primeiro tempo e aumentou a diferença logo aos quatro da etapa final. Guillermo Paiva ainda descontou aos oito, mas a reação do Zamora parou por aí. EFE

Esporte