PUBLICIDADE
Topo

Parceiro ideal de Coutinho, Pelé lamenta morte do ex-companheiro

11/03/2019 22h54

Coutinho, falecido nesta segunda-feira aos 75 anos, foi o maior parceiro de Pelé no Santos. E o Rei do futebol não poderia deixar de homenagear e lamentar a morte de seu eterno parceiro de ataque.

- É uma grande perda. A tabelinha Pelé Coutinho fez o Brasil ficar mais conhecido no mundo todo. Tenho certeza que um dia faremos tabelinha no céu. Minhas condolências à família - declarou Pelé.

A dupla Pelé e Coutinho marcou época na história do futebol mundial. Os craques dividiram tabelas, gols e jogadas mágicas entre os anos de 1958 e 1968, conquistando, entre outros, seis vezes o Campeonato Paulista, cinco títulos da Taça Brasil, além de duas LIbertadores da América e dois Mundiais Interclubes.

Coutinho é o terceiro maior artilheiro da história do Santos, com 368 gols marcados em 457 jogos, atrás apenas de Pepe, com 403 gols, e Pelé, com 1.091 gols. Ele fez parte do lendário ataque formado por Dorval, Mengálvio, Coutinho, Pelé e Pepe. O artilheiro era considerado o melhor parceiro que Pelé já teve.

Esporte