PUBLICIDADE
Topo

Liminar da Justiça permite ao Flamengo uso parcial do Ninho

11/03/2019 18h40

O time profissional do Flamengo voltará a utilizar o Centro de Treinamento George Helal, o Ninho do Urubu. A Justiça do Rio de Janeiro liberou o local, ainda que parcialmente, nesta segunda-feira. A juíza Alessandra Cristina Peixoto determinou a expedição de um alvará de liberação imediata dos campos, da academia, e vestiários, além de refeitórios e setor administrativo.

Uma vez que a Prefeitura emitir a guia para pagamento da taxa - e o clube efetuá-lo -, os profissionais voltarão a utilizar a estrutura do CT, o que pode acontecer já nesta terça-feira, véspera do jogo contra a LDU, pela Libertadores.

Desde que o CT foi lacrado, o Fla mobilizou-se para atender às exigências feitas pelas autoridades e regularizar o local. Na última semana, os Bombeiros realizaram inspeção no local, mas ainda notificou o clube por pendências.

Da instituição, o Fla precisa do Laudo de Exigências e Certificado de Aprovação para, depois, obter o Habite-se, junto à Secretaria Municipal de Urbanismo, e o Alvará de funcionamento emitido pela Secretaria Municipal de Fazenda.

Um incêndio atingiu o alojamento das divisões de base do clube no CT e vitimou 10 jovens no dia 8 de fevereiro. A proibição da entrada e permanência de crianças e adolescentes pela Justiça, em 13 de fevereiro, segue, por ora.

Esporte