PUBLICIDADE
Topo

Aliviado, Kieza comemora fim da seca de gols: 'Nunca baixei a cabeça'

11/03/2019 22h29

Enfim, o Botafogo conquistou a sua primeira vitória pela Taça Rio e encerrou o jejum. Nesta segunda-feira, o Glorioso venceu por 2 a 1 o Madureira, no Nilton Santos. Além disso, o atacante Kieza também desencantou após 16 jogos sem balançar as redes. O jogador mostrou alívio na saída de campo.

- Com 15 anos de carreira é a primeira vez que passo essa seca de gols. Uma hora chega e é diferente, mas nunca baixei minha cabeça. Um pouco chateado, mas sempre procurei ajudar a equipe da melhor forma possível - disse ao Premiere.

Para fazer o gol, tem que ter um passe. O responsável pela assistência foi o lateral-direito Marcinho, que foi vaiado por bom tempo pela torcida botafoguense, após fazer um gol contra. Mas se redimiu ao fazer cruzamento para o atacante encerrar o jejum.

- Futebol é gostoso por causa disso. Você sai do céu para o inferno e do inferno para o céu em questão de questão minutos, dias. Uma infelicidade ali. Fui cobrir o rebote e ela veio rápido no meu pé, mas com muito trabalho consegui dar a primeira assistência do ano. Se Deus quiser nesse ano terão muitas mais - disse ao Premiere.

Após a vitória na terceira rodada, o Fogão volta a campo no domingo, para fazer o Clássico Vovô, diante do Fluminense, às 19h, no Maracanã. Já o Madureira segue em seu jejum na competição estadual.

Esporte