PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Gómez parabeniza também atacantes pelos números da defesa do Palmeiras

08/03/2019 19h32

Com somente quatro gols sofridos, o Palmeiras tem seu melhor desempenho defensivo nas dez partidas iniciais de uma temporada desde os três levados em 1989. Números que ratificam um setor que vem se fortalecendo desde a chegada do técnico Luiz Felipe Scolari, em julho. E que o zagueiro Gustavo Gómez faz questão de atribuir, também, a quem joga mais à frente.

- Hoje em dia, o futebol é muito compacto e todos estão de parabéns porque a marcação começa lá na frente. Cada jogador tem a sua importância e responsabilidade no sistema de jogo e precisamos seguir assim - disse o defensor paraguaio.

O Verdão já vem de estatísticas positivas na defesa. Na conquista do Campeonato Brasileiro no ano passado, a equipe sofreu 26 gols em 38 rodadas, estabelecendo um recorde do clube na competição nacional disputada por pontos corridos - a marca anterior era do título de 2016, com 26 gols sofridos.

- São números interessantes. Isso comprova que a gente está fazendo um bom trabalho - enalteceu Gustavo Gómez, que tem também, particularmente, números muito positivos com a camisa do Palmeiras.

Gómez, que chegou emprestado pelo Milan, da Itália, no meio do ano passado, esteve em campo somente em quatro dos 26 gols sofridos pelo Palmeiras no Brasileiro - em média, com o paraguaio, são 0,28 gol levado por jogo.

Além disso, em dez dos 14 jogos do zagueiro na competição nacional o time sequer foi vazado.

Gustavo Gómez foi titular na vitória por 2 a 0 sobre o Junior Barranquilla, na Colômbia, na quarta-feira, na estreia do Palmeiras na Libertadores, e pode aparecer na escalação deste sábado, contra o Mirassol, pelo Paulista.

Esporte