PUBLICIDADE
Topo

Garçom de 2018 e na mira de Tite, Dudu dá primeira assistência no ano

08/03/2019 08h00

O líder de assistência do último Campeonato Brasileiro, enfim, encerrou o "jejum" no quesito nesta temporada. Ao entregar a bola para Gustavo Scarpa abrir o placar na vitória por 2 a 0 sobre o Junior Barranquilla, na Colômbia, na estreia do Palmeiras na Libertadores, Dudu deu seu primeiro passe para gol no ano. E em momento importante, já que está cotado para a Seleção Brasileira.

Eleito o craque do Brasileiro de 2018 nos principais prêmios, Dudu está na mira de Tite para ficar com a vaga de Vinicius Junior, atacante do Real Madrid que se machucou nesta semana, para os amistosos contra Panamá e República Tcheca, nos dias 23 e 26, respectivamente - o goleiro Weverton já foi chamado. E o camisa 7 vem retomando seu desempenho do ano passado.

Único jogador que foi titular em todas as dez partidas do Palmeiras na temporada até agora, Dudu já tinha balançado as redes pela primeira vez em 2019 na vitória por 2 a 0 sobre o Bragantino, pelo Campeonato Paulista, no Pacaembu, no último dia 11. Agora, voltou a dar assistência, uma especialidade sua e decisiva na conquista nacional do clube no ano passado.

O atacante terminou 2018 com 19 assistências e 14 gols em 66 partidas. Na média, a cada duas atuações, participou diretamente de uma das vezes em que o time balançou as redes. Somente no Campeonato Brasileiro, foram 14 assistências e sete gols em 31 jogos. Ou seja: 21 participações em gol nas 31 vezes em que atuou na competição. E ninguém deu mais assistências do que as 14 dele no torneio nacional.

A retomada da rotina de participação em gols do Palmeiras chega para Dudu exatamente enquanto sua ausência na convocação de Tite tem sido bastante contestada. O astro do clube, que recentemente renovou seu contrato até o fim de 2023 e recebeu aumento para espantar a sondagem de clubes chineses, cresce de rendimento em momento crucial para o Verdão, já que acabou de estrear na Libertadores e, no fim do mês, começa o mata-mata do Paulista.

Pessoalmente, fica a expectativa de voltar a ser lembrado na Seleção Brasileira. Dudu esteve na lista de espera para a Copa do Mundo, mas foi chamado pela última vez por Tite em 17 de março de 2017, sendo convocado para substituir Douglas Costa, machucado, nas partidas contra Uruguai e Paraguai, ambas pelas Eliminatórias Sul-Americanas para o Mundial de 2018.

Esporte