PUBLICIDADE
Topo

Relembre dez polêmicas que marcaram a carreira de Neymar

07/03/2019 09h26

Nesta quinta-feira fazem dez anos da estreia de Neymar no futebol profissional. Entre muitos altos e baixos, a carreira do principal jogador brasileiro da atualidade e dos últimos anos é marcada por muitas polêmicas, tanto dentro quanto fora de campo.

Problemas com treinadores, expulsões, relacionamentos amorosos, relacionamento ruim com companheiros de equipe e até problema com a Justiça. Nessa década de Neymar, o talento inegável do craque já foi ofuscado por algumas polêmicas.

TRETA COM DORIVAL

Contra o Atlético-GO, pelo Campeonato Brasileiro de 2011, Neymar foi impedido de cobrar um pênalti pelo então treinador do Santos, Dorival Júnior. O jogador não gostou e se desentendeu com o treinador e também com o capitão Edu Dracena. Dorival, na partida seguinte, anunciou que Neymar seria barrado. Com isso, o Peixe demitiu o treinador.

MONSTRO

Após essa partida contra o Atlético-GO, o treinador do clube goianiense Renê Simões, incomodado e decepcionado com as atitudes do jogador, disse, em coletiva, que "um monstro" estava sendo criado no futebol brasileiro.

CAVANI E PÊNALTIS

Em sua primeira temporada no PSG, Neymar entrou em uma polêmica com Cavani, para ver quem seria o cobrador oficial. A atitude teria dividido o grupo do clube parisiense e o brasileiro não abriu mão de ser o cobrador, mesmo com o uruguaio ser o cobrador oficial antes de sua chegada. Durante esse período, Neymar também tirou a bola de Cavani em uma cobrança de falta, o que gerou vaias da torcida e a intensidade dos boates de relacionamento ruim.

UNAI EMERY

A relação com Unai Emery e a diretoria do PSG também rendeu polêmicas. Protegido pelo treinador e diretoria, a imprensa europeia especulava a insatisfação dos jogadores do clube parisiense com os privilégios do atacante brasileiro. Neymar, inclusive, chegou a convidar o treinador espanhol para sua festa de aniversário, o que também rendeu críticas.

IMPRENSA

A relação com a imprensa também é pauta de polêmicas com Neymar. Durante as Olimpíadas, o jogador discutiu com um jornalista após se irritar ao ser questionado sobre sua vida particular e ida as festas e baladas. O pai de Neymar também já atacou a imprensa em algumas oportunidades ao não receber bem algumas críticas destinadas ao seu filho.

BRUMAR

Entre idas e vindas, o relacionamento de Neymar com a atriz global Bruna Marquezine rende muitas polêmica e especulações. Acusação de traições, relação ruim com os amigos e família do jogador, além de interesses opostos. A polêmica mais recente foi neste Carnaval, em que Bruna ficou incomodada com um suposto beijo entre Neymar e a cantora Anitta.

SIMULAÇÃO DE FALTAS

Apesar do talento, uma das características do futebol de Neymar é a simulação de faltas, com intuito de ludibriar a arbitragem. A atitude foi vista em todos os clubes em que passou, assim como as críticas. Na última Copa do Mundo (2018), o debate e as críticas se intensificaram ainda mais, assim como as simulações do atleta.

PROBLEMAS FISCAIS

Neymar e o pai do jogador já foram acusados de fraudes fiscais pelo tribunal espanhol, relativo a sua transferência para o Barcelona. Entre 2011 e 2013, o jogador teve alguns de seus bens bloqueados. Em 2017, o staff do brasileiro concordou em pagar cerca de R$ 8 milhões para a Receita.

COPA AMÉRICA CENTENÁRIA

Na Copa América de 2015, Neymar postou um texto em seu Instagram após a eliminação que não caiu bem. O jogador dizia que ia "aparecer um bando de babaca para falar m.." e a atitude foi reprovada pelos críticos. Dentro de campo, contra a Colômbia, Neymar foi expulso por se envolver em confusão com os adversários e pegou quatro jogos de suspensão.

OURO OLÍMPICO

Neymar foi o protagonista da inédita medalha de ouro do Brasil, no futebol, pelas Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro. Na final contra a Alemanha, o jogador marcou gol e converteu o pênalti decisivo que garantiu o título. Na comemoração, foi até a torcida e se desentendeu com um torcedor.

Esporte