PUBLICIDADE
Topo

United faz história, Porto elimina Roma e Neymar pistola com VAR... As principais notícias desta quarta

06/03/2019 20h45

A quarta-feira foi bastante movimentada no esporte, principalmente no futebol internacional com os jogos da Champions League. O Manchester United fez história ao eliminar o PSG fora de casa com dois gols de desvantagem, enquanto o Porto bateu a Roma e avançou às quartas. Após a partida em Paris, Neymar criticou a arbitragem no Instagram. Confira as principais notícias esportivas desta quarta-feira:

UNITED ELIMINA PSG EM PARIS

Fora de casa e sem seus principais jogadores, o Manchester United segurou a pressão do Paris Saint-Germain, aproveitou os erros da equipe francesa e conseguiu uma improvável classificação, no critério do gol marcado fora de casa, para as quartas de final da Liga dos Campeões com uma vitória por 3 a 1.

Depois de perder o primeiro jogo em casa por 2 a 0, os Red Devils bateram os franceses com gols de Lukaku, duas vezes, e Rashford marcaram os gols dos Diabos Vermelhos. Bernat descontou.

ALEX TELLES MARCA NA PRORROGAÇÃO E CLASSIFICA O PORTO

Depois do placar de 2 a 1 na partida de ida das oitavas de final da Champions League na Itália, Porto e Roma voltaram a se enfrentar, agora em Portugal, nesta quarta-feira para decidir a vaga nas quartas.

Melhor durante todo o jogo, o Porto fez 2 a 1 nos 90 minutos, mas não foi suficiente para passar de fase no tempo normal. Nos acréscimos, Alex Telles cobrou um pênalti e garantiu a vaga para os Dragões com placar final de 3 a 1.

NEYMAR CRITICA ARBITRAGEM EM PARIS

Fora do confronto por conta de uma nova lesão no quinto metatarso do pé direito, Neymar saiu do Carnaval no Brasil diretamente para o Parc des Princes para acompanhar a partida de volta entre Paris Saint-Germain e Manchester United e viu o seu time ser eliminado nos acréscimos por conta de um pênalti marcado pelo VAR.

Em seu Instagram, o camisa 10 desabafou contra a arbitragem por conta da marcação da penalidade máxima que Marcus Rashford converteu para dar a classificação para o Manchester United.

CRUZEIRO ANUNCIA NOVO PATROCINADOR MÁSTER

O Cruzeiro anunciou no início da tarde desta quarta-feira o seu patrocinador máster, o Banco Renner, que usará a marca Digi+ no uniforme celeste. Em entrevista coletiva realizada em Buenos Aires, onde o time celeste se prepara para a estreia na Copa Libertadores, a diretoria do clube mineiro fez as devidas apresentações do seu parceiro comercial.

No acordo firmado entre a Raposa e o Banco Renner, a conta digital será uma grande patrocinadora do time celeste e atenderá também aos cruzeirenses, que terão participação fundamental na iniciativa.

CENTURIÓN CAUSA POLÊMICA EM BOATE NA ARGENTINA

Afastado do elenco do Racing por empurrar o técnico Eduardo Coudet no jogo contra o River Plate, o meia Ricardo Centurión se envolveu em nova polêmica. Desta vez, a confusão aconteceu fora das quatro linhas, na noite de Buenos Aires.

De acordo com a mídia argentina, o atleta consumiu uma grande quantidade de bebida alcoólica e na saída de uma casa noturna entrou em conflito com duas pessoas. A briga foi tão grande, que a polícia precisou entrar no meio para acalmar os ânimos.

FIFA QUER MAIS DOIS PAÍSES-SEDE PARA A COPA EM 2022

A Copa do Mundo de 2022 no Qatar pode sofrer alterações mesmo com quase tudo já definido. Segundo a 'Associated Press', o presidente da Fifa, Gianni Infantino, pensa em antecipar a expansão de seleções classificadas para o Mundial de 32 para 48 e com isso, acrescentar mais dois países sedes, Kuwait e Omã.

Apesar do catar ter sido o país eleito para sediar a competição com 32 seleções, o presidente da Fifa teria a intenção de antecipar a realização do torneio com 48 seleções (que seria realizado em 2028, com EUA, Canadá e México) e por conta disso, Omã e Kuwait se juntariam ao Qatar como sedes do torneio.

MURALHA É APRESENTADO NO COXA

Sem o goleiro Wilson machucado, o Coritiba precisou correr no mercado de transferências para contratar um novo arqueiro e acertou o empréstimo de Alex Muralha. Sem espaço no Flamengo, o atleta acertou com Coxa até o fim do ano e foi apresentado nesta quinta-feira.

'Tenho que provar para mim mesmo do que sou capaz. Ninguém chega à Seleção brasileira, com a reformulação que estava, com o comando do Tite, sem ter qualidade, sem ser um grande jogador. Tive meus momentos felizes, fui para Seleção, tive um momento turbulento no Flamengo, mas isso já passou', afirmou.

GATITO FRATURA O DEDO E DEVE PARAR POR UM MÊS

Poupado na derrota do Botafogo por 1 a 0 para o Volta Redonda, no último sábado, Gatito Fernández pode ficar fora da equipe por mais tempo. Após exame de imagem realizado nesta quarta-feira, foi constatada uma fratura no dedo da mão direita do paraguaio. A informação foi dada pelo programa "Donos da Bola" e confirmada pelo LANCE!.

Dessa forma, o goleiro deve ficar afastado por cerca de um mês, prazo que a comissão técnica estipula. Apesar disso, a recuperação de Gatito pode ser acelerada com o intuito do arqueiro não perder os jogos da seleção paraguaia. O atleta de 30 anos foi convocado por Eduardo Berizzo, treinador do time, para amistosos contra Peru e México, nos dias 22 e 26 de março, respectivamente.

BERRÍO TEM NOVA LESÃO E PARA POR TEMPO INDETERMINADO

Um novo problema físico afastará Orlando Berrío, atacante do Flamengo, por tempo indeterminado dos jogos do clube. O colombiano realizou exames nesta quarta-feira que identificaram uma lesão no reto femoral da coxa esquerda. O jogador de 28 anos sentiu dores em Santa Cruz de la Sierra, onde o grupo se preparou para a estreia da Libertadores contra o San José, em Oruro, na Bolívia.

Esta é a segunda lesão de Berrío na temporada. Quando a delegação rubro-negra estava em Orlando, para a pré-temporada e a disputa da Florida Cup, o atacante teve um problema na coxa direita e ficou de fora da Taça Guanabara, voltando a atuar no fim de fevereiro, por cerca de 15 minutos contra Portuguesa e Americano, respectivamente, pela fase de grupos da Taça Rio.

MOISÉS PODE PEGAR GANCHO DE 12 JOGOS

Gustavo Henrique e Moisés serão julgados na próxima segunda-feira por conta do entrevero ocorrido no empate entre os dois em Palmeiras 0 x 0 Santos. Eles foram denunciados pelo TJD-SP no artigo 254-A (praticar agressão física) e podem pegar de quatro a 12 partidas de suspensão.

O problema entre a dupla aconteceu no fim do primeiro tempo. Os dois jogadores começaram a se puxar, depois Moisés apertou o pescoço de Gustavo Henrique, que revidou com um soco no rosto do camisa 10 palmeirense. O árbitro da partida, Flávio Rodrigues de Souza, não os puniu com cartão.

Esporte