PUBLICIDADE
Topo

Lukaku brilha e garante vitória do United, que entra no G4 do Inglês

02/03/2019 13h57

Em ascensão no Campeonato Inglês desde a saída de José Mourinho e a chegada de Gunnar Solskjaer, o Manchester United entrou em campo neste sábado para enfrentar o Southampton na rodada 29 da competição. Em casa, no Old Trafford, o Manchester United saiu perdendo, mas contou com a boa partida de Lukaku e Andreas Pereira para vencer o adversário por 4 a 2. Com a vitória, a equipe entrou na zona de classificação para a Champions League, na 4ª posição, com 58 pontos.

BOM INÍCIO E MAIOR CONTROLE DO JOGO

Jogando em seus domínios, os Red Devils começaram melhor a partida e chegaram a frente em algumas oportunidades. Aos 14' Lukaku fez boa triangulação com Pogba e bateu colocado, mas tirou demais da meta adversária. Apesar da maior posse de bola e o maior índice de finalizações, o United não coneseguiu balançar as redes e viu o time adversário abrir o placar

GOLAÇO DE DE VALERY

A máxima do futebol do "quem não faz leva" se fez presente na partida quando aos 26 minutos, o Southampton, que não tinha chutado uma bola sequer ao gol, abriu o marcador. Valery recebeu uma bola na direita e de fora da área chutou de primeira no ângulo, sem chances para De Gea. O United continuou em cima, mas foi para o intervalo em desvantagem.

PINTURA DE ANDREAS PEREIRA

Precisando do resultado para entrar no G-4 da Premier League, a equipe de Solskjaer voltou om sede dos vestiários. Rashford quase marcou aos sete minutos, de cabeça, mas a bola passou rente a trave. No entanto, um minuto depois, o belga naturalizado brasileiro Andreas Pereira fez um lindo gol chutando uma bola colocada no ângulo de fora da área.

LUKAKU VIRA O JOGO

Cinco minutos depois do empate, Andreas Pereira fez outra bonita jogada e tocou para Lukaku. O atacante belga cortou o zagueiro e bateu de perna direita colocado, fora do alcance de Gunn. Com 2 a 1 no placar o Manchester tirou o pé do acelerador e começou a administrar o resultado à medida que o Southampton também não oferecia perigo.

WARD-PROWSE EMPATA, MAS LUKAKU BRILHA NO FIM

Aos 30 minutos, o jovem James Ward-Prowse foi encarregado de cobrar uma falta perto da área adversária. O meia do Southampton cobrou a falta com maestria, na gaveta, sem chances para De Gea, que completou 350 jogos com a camisa do United. A partida caminhava para um empate, quando Lukaku balançou as redes pela segunda vez na partida. Aos 44 minutos, o centroavante aproveitou uma bola mal rebatida na entrada da área e chutou bonito no canto do arqueiro adversário. Nos acréscimos, ainda deu tempo de Gunn defender um pênalti cobrado por Pogba.

Esporte