PUBLICIDADE
Topo

Botafogo joga mal, perde e fica em situação delicada no Carioca

02/03/2019 21h18

Não foi dessa vez que o Botafogo apagou a má impressão deixada no primeiro turno do Campeonato Carioca. O Alvinegro teve uma atuação ruim diante do Volta Redonda e acabou derrotado por 1 a 0, neste sábado, no estádio Raulino de Oliveira. Bruno Barra fez belo gol para o time do interior, aos 14 do primeiro tempo, após troca de passes na entrada da área adversária. O time de Zé Ricardo ensaiou uma reação no fim, na base do desespero, sem sucesso e segue sem vencer na Taça Rio.

O Resultado quebra uma boa sequência de seis jogos de invencibilidade de Botafogo no mês de fevereiro e deixa a equipe em situação complicada no Carioca. Com apenas um ponto no Grupo C, o Bota é quarto colocado e vê a vaga na semifinal do segundo turno cada vez mais distante. O Voltaço lidera o Grupo B e encaminha a classificação para a semifinal geral.

Início morno

O jogo começou morno no Raulino de Oliveira. O Botafogo assustou o goleiro Douglas aos três minutos com Leo Valencia em cobrança de falta, mas depois errou muitos passes e teve dificuldades de criação. O Volta Redonda repetia o panorama do outro lado e produzia pouco no setor ofensivo.

Melhor chance do Volta Redonda

O Bota só teve nova chance 20 minutos depois em cruzamento de Pimpão para a cabeçada de Rickson e outra aos 34, em chute de Leo Valencia. A melhor chance de gol da primeira etapa, no entanto, foi do Voltaço com Daniel, que subiu mais que toda a zaga alvinegra e cabeceou no travessão. A se destacar apenas a movimentação de Erik que buscava o jogo pelas pontas e no meio.

Mudanças não surtem efeito

Com o objetivo de melhorar a criação no meio, Zé Ricardo sacou o zagueiro Helerson e colocou Cícero no intervalo. Com isso Marcelo Benevenuto que jogava de lateral-direito voltou para a zaga e cedeu a posição a Rickson. As mudanças, no entanto, não surtiram efeito. O time continuou errando muito, com dificuldades de vencer a marcação e lento nas transições de bola. As melhores chances continuavam sendo do Voltaço, que começou a gostar do jogo. E assim o time do interior abriu o placar. O Alvinegro assistiu atônito troca de passes na entrada da área que terminou em um golaço do Bruno Barra. O volante mandou uma bomba indefensável para Cavalieri.

Pressão sem organização

Em desvantagem no placar, Zé Ricardo colocou João Paulo no lugar de Jean para buscar o empate. A partir dos 29 minutos da segunda etapa o Botafogo ensaiou uma reação, mas de forma desorganizada. O time abusava dos lançamentos longos e jogadas pelo meio, na base do desespero, e não conseguia ser efetivo. A melhor oportunidade veio dos pés de Cícero, que arriscou um chute de longe e acertou o travessão após desvio.

Retranca

Daí até o apito final o cenário da partida permaneceu o mesmo. O Volta Redonda se fechou atrás e não deu chances ao time Zé Ricardo. A forte marcação montada por Toninho Andrade impediu a reação do Alvinegro, que falhou na missão de conseguir a primeira vitória na Taça Rio.

FICHA TÉCNICA

VOLTA REDONDA 1 x 0 BOTAFOGO

Estádio: Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)

Data-Hora: 02-03-19 - às 19h

Público / Renda: 3.284 presentes - 2.784 pagantes / R$ 67.360,00

Árbitro: Mauricio Machado Coelho Junior (RJ) Nota L!: 6,0 - Manteve o mesmo critério na aplicação dos amarelos e não influenciou no resultado.

Assistentes: Luiz Claudio Regazone (RJ) e Rafael Gomes Rosa (RJ)

Cartão amarelo: Bruno Barra (VRE); Jonathan, Rodrigo Pimpão, Jean (BOT)

Gol: Bruno Barra 14'/2ºT (1-0)

VOLTA REDONDA: Douglas Borges; Luis Gustavo, Heitor, Daniel, Luiz Paulo e Bruno Barra; Bileu, Marcelo(Jorge Luís, 41'/2ºT), Wandinho e Douglas Lima (Alyson, 33'/2ºT); João Carlos. Técnico: Toninho Andrade

BOTAFOGO: Diego Cavalieri; Marcelo Benevenuto, Helerson (Cícero, intervalo), Gabriel e Jonathan; Jean (João Paulo, 21'/2ºT), Rickson, Leo Valencia e Luiz Fernando (Kieza, 16'/2ºT); Erik e Rodrigo Pimpão. Técnico: Zé Ricardo

Esporte