PUBLICIDADE
Topo

Dupla entrosada, falha de Arrascaeta e mais: os destaques da vitória do Fla

28/02/2019 23h30

No ensaio geral antes da estreia da Copa Libertadores, na próxima terça-feira, o Flamengo superou a Portuguesa com tranquilidade: vitória por 3 a 1 no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. O jogo, válido pela segunda rodada da Taça Rio, e, com seis pontos, o Rubro-Negro lidera o Grupo C do Campeonato Carioca.

O LANCE! destacou os pontos mais importantes do triunfo rubro-negro, que contou com atuações inspiradas de Bruno Henrique e Gabigol. Veja abaixo:

DUPLA ENTROSADA

Companheiros no Santos na última temporada, os atacantes Bruno Henrique e Gabigol chegaram à Gávea mostrando que o entrosamento continua em dia. Contra a Portuguesa, Gabigol cobrou escanteio e o parceiro, de cabeça, abriu o placar. Depois, os papéis se inverteram: BH passou e o camisa 9 ampliou: 2 a 0.

Gabigol voltaria a marcar o terceiro gol do Flamengo na partida. Desta vez, o passe foi do lateral-esquerdo Renê. Os atacantes, juntos, somam sete gols e quatro assistências neste início de temporada, em oito partidas do Estadual.

PREOCUPAÇÃO COM BRUNO HENRIQUE?

A expressão de dor de Bruno Henrique, ao deixar o campo na maca aos 26 minutos da etapa final, causou preocupação entre os rubro-negros. O atacante saiu para a entrada de Vitinho e, no banco, iniciou tratamento imediato com bolsa de gelo no joelho direito. O clube ainda não informou se houve lesão, mas o próprio jogador tranquilizou a torcida e disse que foram só câimbras.

Dois outros atletas são dúvidas para a estreia da Libertadores: Piris da Motta, com otite, e Trauco, com dores musculares na coxa esquerda, sequer foram relacionados para o jogo contra a Portuguesa, ficando no Rio para tratamento.

OUTRA FALHA DE ARRASCAETA...

De costas para o campo de ataque, Arrascaeta recebeu a bola e foi desarmado. Na sequência, o Flamengo sofreu um gol: a falha do meia uruguaio no clássico com o Fluminense repetiu-se diante da Portuguesa, nesta quinta-feira.

.... E DEFESA É VAZADA MAIS UMA VEZ

O ataque da Portuguesa pouco exigiu de Diego Alves durante a partida, mas, outra vez, o Flamengo deixou o duelo tendo sofrido, ao menos, um gol. Foi assim em sete das oito partidas do Rubro-Negro nesta edição do Estadual.

A única partida "zerada" da defesa foi diante da Cabofriense: vitória por 4 a 0 no Maracanã. Bangu, Resende, Botafogo, Boavista, Fluminense, Americano e Portuguesa tiveram o gostinho de balançar a rede da meta do time da Gávea.

Esporte