PUBLICIDADE
Topo

Mbappé, espanhol, lesões.. Os motivos do desgaste de Bale com o Real

26/02/2019 10h14

O momento de Bale no Real Madrid não é positivo. O relacionamento ruim com o elenco do clube espanhol expõem uma passagem na equipe com problemas fora de campo. O jornal 'As' detalhou os principais motivos que causaram o desgaste da relação do jogador com os companheiros e relembrou que o galês foi determinante na negociação frustradas dos Merengues com Mbappé, em 2017.

Mbappé merengue?

Em julho de 2017, o Real Madrid tinha chegado a um acordo com o Monaco para a compra de Mbappé, por 200 milhões de euros. O francês, porém, percebendo que iria para a reserva travou a negociação. O Real iria pagar 12 milhões por temporada ao jovem jogador. Florentino Pérez não quis vender Bale para o Manchester United, o que sacramentou a ida de Mbappé para o PSG.

Falta de consideração com o departamento médico

Ao todo, desde 2013, Bale sofreu 22 lesões. A falta de consideração com o departamento médico do Real Madrid também pesa para o desgaste em seu relacionamento com o clube. Em algumas ocasiões, Bale preferiu jogar por País de Gales, mesmo em processo de recuperação e nunca abdicou de jogar golf (uma de suas paixões), mesmo sendo prejudicial a suas costas.

Problema com a língua espanhola

Outro grande fator que causou o desgaste é o fato do galês não falar espanhol. Em seis anos de Real Madrid, nunca aprendeu a língua local, o que causou críticas do ex-treinador de País de Gales, John Toshack, que disse que o atacante deveria aprender espanhol por "respeito ao clube e os funcionários".

Relação ruim com jogadores e técnico

A relação com os jogadores também não é a das melhores. O jogador não é presente nos jantares e reuniões organizadas pelo elenco. Além disso, nas últimas temporadas, teve atritos com o então treinador Zinedine Zidane e chegou a dizer que foi uma "decepção não ser titular".

Esporte