PUBLICIDADE
Topo

Kepa, sobre polêmica: 'Não foi minha intenção desobedecer o técnico'

25/02/2019 09h54

Na final da Copa da Inglaterra, neste domingo, uma cena chamou atenção: ao ver que seria substituído po Maurizio Sarri, Kepa se recusou a sair, permaneceu em campo e revoltou o treinador italiano. A atitude foi bastante criticada pela imprensa e, nesta segunda-feira, o goleiro espanhol, em seu Twitter, explicou e lamentou a situação (reveja no vídeo abaixo).

- Primeiramente, lamento como foi o final da prorrogação. Quero dizer que em nenhum momento foi a minha intenção desobedecer o técnico ou alguma de suas decisões. Acho que tudo foi um mal-entendido de cabeça quente e no fim de um jogo que valia um título.

A atitude do goleiro incomodou a imprensa inglesa e o 'Daily Mail' chegou até a pedir a saída do jogador. Kepa, por sua vez, se desculpou ressaltando que não teve a intenção de desobedecer Sarri e que apenas quis expor que estava bem fisicamente para permanecer na final.

- O treinador pensou que eu não estava em condições de continuar e minha intenção foi expressar que estava em boas condições para seguir ajudando o time, enquanto o médico que havia me atendido chegava ao banco para lhe dar a mensagem. Sinto de novo pela imagens que foram divulgadas, não sendo em nenhum caso minha intenção e peço desculpas. Eu tenho um enorme respeito pelo técnico e sua autoridade - finalizou

Esporte