PUBLICIDADE
Topo

Na onda do Oscar: jogadores dão seus palpites e falam sobre cinema

24/02/2019 08h00

O que é, o que é: Tem grandes estrelas, é repleto de emoções e reviravoltas, e move uma legião de fãs em torno do mundo? Tanto, cinema, quanto futebol, poderiam ser a resposta deste enigma. Pensando nessas semelhanças, na véspera da cerimônia do Oscar 2019, que acontece na noite deste domingo, em Los Angeles, e premia os melhores filmes de 2018, o L! resolveu misturar um pouco dessas duas artes.

Falamos com sete jogadores da Série A do Brasileirão que abriram o jogo sobre seus filmes e atores preferidos de Hollywood, e até deram seus pitacos para 91ª edição da premiação mais antiga do cinema mundial. Afinal, se para "meros mortais" a sétima arte é uma fonte de entretenimento, para jogadores profissionais, ela pode servir como boa uma válvula de escape em meio a uma rotina desgastante - como pontuou o lateral-direito Jonathan, do Athletico:

- A gente está sempre em concentrações e viagens, então, não raro, pego um ou outro filme para me distrair. A rotina de jogador é massante e filmes e séries nos ajudam a relaxar um pouco.

Na mesma linha, o zagueiro Rodrigo Caio, do Flamengo, também indicou que o tempo de concentração acaba servindo para afinar a relação entre o cinema e os atletas de alto nível.

- É um dos meus passatempos preferidos quando estamos concentrados. E jogados de futebol costuma ficar muito tempo concentrado, então aproveito pra assistir bastante filmes - disse o jogador rubro negro, que entre todos, escolheu "Vingadores: Guerra Infinita", como o seu preferido.

Herois da Marvel e Fred Mercury fazem sucesso entre os boleiros

Outro que citou um filme da Marvel Studios, empresa famosa por estar a frente de um universo cinematográfico de super-heróis - em que vários filmes estão interligados - foi Wellington Paulista. O atacante da Chapecoense declarou torcida pelo longa "Pantera Negra" entre os indicados a Melhor Filme nesta edição do Oscar.

O longa produzido por Ryan Coogler, além de ser o primeiro filme do gênero "heroico" na história a disputar a mais nobre categoria da premiação, foi indicado para outras seis. Tamanho desempenho chamou atenção também de Jonathan, do Furacão:

- Pantera Negra é minha aposta, mas vejo o Bohemian Rhapsody muito forte também - opinou.

A produção que aborda a trajetória de Fred Mercury, lendário vocalista da banda inglesa Queen, aliás, uniu os gostos dos rivais Eduardo Sasha, do Santos, e Gustavo Scarpa, do Palmeiras. O meia alviverde se declarou fã das músicas do grupo retratado em "Bohemian Rhaposody", enquanto o atacante do Peixe pediu ainda o prêmio de melhor ator para Ryan Maleek, intérprete de Mercury no filme.

- A atuação dele foi perfeita - elogiou o jogador do alvinegro praiano.

Os palpites dos boleiros, no entanto, não ficaram apenas no heroísmo e no rock n' roll. O meia Daniel, um dos destaques do Fluminense no Campeonato Carioca, destacou a mensagem passada por "Nasce Uma Estrela" para justificar a torcida pelo longa estrelado por Bradley Cooper e Lady Gaga na corrida pela estatueta de melhor filme:

- Achei muito bom, principalmente, pelo recado que passa em relação a fama, drogas e álcool. Precisamos entender que muitas pessoas sofrem com isso e precisam de tratamento, e não discriminação.

O meia Alex Santana, autor de lindo gol pelo Botafogo contra o Defensa y Justiça, na última quarta-feira, foi ainda mais longe e elegeu como o melhor filme de 2018 um que não está entre os indicados da Academia para o Oscar: "O que de Verdade Importa", de Paco Arango.

Will Smith e Humoristas fazem sucesso entre os atores preferidos

Uma das estrelas mais notórias de Hollywood, Will Smith é o escolhido tanto de Rodrigo Caio, como de Jonathan, quando o assunto é "ator preferido". O jogador do Furacão rasga elogios ao artista, que já foi indicado duas vezes ao Oscar de Melhor Ator, mas nunca venceu.

- Da nossa geração, é o cara que mais admiro. É um fenômeno! Já vi inúmeros filmes dele, de drama, suspense, comédia. Ele manda muito bem em todas - afirma Jonathan.

Will Smith é também o protagonista de "Golpe Duplo", longa predileto de Alex Santana. Como ator preferido, o meia tem Zach Galifianakis, conhecido pela atuação em "Se Beber Não Case". Jim Carrey e Adam Sandler, de inúmeros sucessos de humor em Hollywood, são os favoritos de Daniel e Gustavo Scarpa, respectivamente.

A atriz Sandra Bullock, outro fenômeno de bilheteria do cinema americano, também faz sucesso entre os boleiros. A artista, que em 2010 venceu o Oscar de Melhor Atriz pela atuação em "Um Sonho Possível", e teve como seu mais recente sucesso o longa "Bird Box", da Netflix, é a preferida de Rodrigo Caio e Wellington Paulista.

As preferências dos boleiros no cinema e os palpites pra o Oscar 2019

Alex Santana (Botafogo)

Filme preferido: Golpe Duplo (2015)

Ator/atriz preferido(a): Zach Galifianakis

Melhor filme de 2018: O que de Verdade Importa

Eduardo Sasha (Santos)

Filme Preferido: Bohemian Rhapsody (2018)

Ator/atriz preferido (a): Nicolas Cage

Palpite para o Oscar: Bohemian Rhapsody

Gustavo Scarpa (Palmeiras)

Filme preferido: Duelo de Titãs (2011)

Ator/atriz preferido (a): Adam Sandler e Amy Adams

Palpite para o Oscar: Bohemian Rhapsody

Daniel (Fluminense)

Filme Preferido: Tropa de Elite (2007)

Ator/atriz preferido (a): Jim Carrey

Palpite para o Oscar: Nasce Uma Estrela

Jonathan (Athletico)

Filme Preferido: Não Revelou

Ator/atriz preferido (a): Will Smith

Palpite para o Oscar: Pantera Negra

Rodrigo Caio (Flamengo)

Filme Preferido: Vingadores: Guerra Infinita (2018)

Ator/atriz preferido(a): Will Smith e Sandra Bullock

Palpite para o Oscar: Nasce Uma Estrela

Wellington Paulista (Chapecoense)

Filme Preferido: Treinador Carter (2005)

Ator/atriz preferido (a): Samuel Jackson e Sandra Bullock

Palpite para o Oscar: Pantera Negra

*Estagiários sob a supervisão de Aigor Martins

Esporte