PUBLICIDADE
Topo

Piatek marca de novo, Paquetá tem gol anulado e Milan goleia Empoli

22/02/2019 18h27

E o Milan segue firma na busca por uma vaga na próxima edição da Liga dos Campeões da Europa. O time rossonero recebeu o Empoli, dentro de casa, na abertura da 25ª rodada da Serie A Italiana, e venceu com autoridade por 3 a 0, com direito a gol anulado do brasileiro Lucas Paquetá. Piatek, Kessié e Castillejo marcaram os gols da partida.

PAQUETÁ MARCA, MAS VAR ANULA

A primeira chegada do Milan na partida foi letal. Com apenas 10 minutos de jogo, Paquetá recebeu belo cruzamento na área de Ricardo Rodriguéz e testou para as redes. Após muita comemoração, o árbitro de vídeo entrou em ação e anulou o gol do brasileiro.

PIATEK 'ON FIRE'

Após um primeiro tempo de um Empoli muito fechado, o Milan precisou de apenas quatro minutos na etapa final para abrir o placar da partida. Após bela troca de passes, Calhanoglu achou Piatek dentro da área. O centroavante polonês só teve o trabalho de escorar para o gol e saiu para festejar o quarto jogo consecutivo balançando as redes.

KESSIE AUMENTA

Se o Milan teve apenas quatro minutos para abrir o placar, o segundo veio apenas dois minutos depois do primeiro. Castillejo descolou bom passe para Kessié, que invadiu a área e com um toque de muita categoria, encobriu o goleiro e anotou o segundo gol rossonero.

CASTILLEJO MATA O JOGO

Com o Empoli entregue, o Milan não precisou forçar muito para marcar o terceiro gol e acabar com qualquer chance de reação do time visitante. Conti acertou belo cruzamento rasteiro para a área e encontrou Castillejo, que completou para as redes e transformou a vitória em goleada.

VAR EM AÇÃO

Ainda houve tempo para o Milan marcar o quarto gol na partida. Borini, que substituiu Piatek durante a partida, fez uma bela jogada individual e marcou mais um gol para o time rossonero. Entretanto, após dois minutos, o árbitro foi chamado e o VAR anulou o lance por conta de interferência de Cutrone, que estava impedido. Entretanto, o gol não fez falta e o Milan não sofreu sustos até o apito final.

Esporte