Topo

Após vitória, Sampaoli explica o 'fenômeno Jean Mota' no Paulistão

2019-02-19T08:12:55

19/02/2019 08h12

Protagonista do Santos e representante do estilo de jogo de Jorge Sampaoli, Jean Mota foi motivo de muita análise do técnico argentino. Para o treinador, há explicação sobre o desempenho fenomenal neste início de 2019, com sete gols marcados em sete jogos no Paulistão: inteligência para ocupar os espaços, mudança de posicionamento, confiança e virtudes nunca antes descobertas.

"Jean tem muitas virtudes que não haviam sido descobertas. Está tendo uma temporada fantástica. Nos ajudando muito com sua capacidade de ser goleador e com seu jogo. Vivendo um momento de plenitude. Quando chegamos, vimos que ele tinha muito a nos dar e, por isso, não deixamos ele sair. Agora, está mostrando sua qualidade", disse Sampaoli, lembrando que vetou a ida do meia para o futebol do Nordeste em janeiro.

Leia também:

O fato de Jean ser o artilheiro do Paulistão surpreende, sim, o técnico argentino, mas o bom desempenho do jogador dentro de campo não é tão surpreendente assim. Afinal, para Sampaoli, foi apenas uma questão de absorver os conceitos de jogo. De acordo com o argentino, Jean tornou a mudança de comando do Santos como algo natural e entendeu o jogo.

"Fiquei surpreso. O nível de confiança que ele tem atuando em diversas posições. Ele interpretou muito bem o jogo de posicionamento. Ele sabe se movimentar dentro e fora da área, joga bem com ou sem a bola. Há jogadores que entendem rápido essa forma de jogar, ele foi um desses", completou.

Frequentemente, o meia credita o sucesso ao trabalho do argentino. De acordo com Jean, a mudança de posicionamento, possibilitando sua atuação mais próximo da grande área, fez toda a diferença no processo de evolução. O meia é uma das apostas do Peixe para vencer o clássico contra o Palmeiras, no próximo sábado, no Allianz Parque.

Números de Jean Mota em 2019:

No ano: 10 jogos, sete gols e três assistências

No Paulistão: 7 jogos, sete gols e duas assistências.

Mais Esporte