PUBLICIDADE
Topo

Chile, Argentina, Paraguai e Uruguai querem sediar juntos Copa de 2030

15/02/2019 11h35

O Chile se juntou a Argentina, Uruguai e Paraguai na candidatura para sediar a edição centenária da Copa do Mundo, em 2030. Seria a primeira vez na história da competição teria quatro países como sede. O presidente do Chile, Sebastian Piñera, disse que a candidatura quádrupla foi acordada com os presidentes dos outros três países sul-americanos.

- Os presidentes da Argentina, Mauricio Macri, do Chile, Sebástian Piñera, do Paraguai, Mario Abdo, e do Uruguai, Tabaré Vázques, acordaram submeter uma candidatura conjunta para a Copa do Mundo em 2030 - escreveu o chileno em seu Twitter

Europa na corrida

A candidatura quádrupla, porém, não seria exclusividade da América do Sul. Em novembro de 2018, o primeiro-ministro da Bulgária, Boyko Borissov, levantou a possibilidade do país se candidatar para sediar o evento junto com Grécia, Romênia e Sérvia.

Candidaturas triplas

A Copa de 2030 segue cobiçada por outros países. A Inglaterra também está na corrida, assim como Marrocos, que pode se juntar a Argélia e Tunísia em uma candidatura tripla. Em 2026, já foi confirmado que México, Estados Unidos e Canadá sediaram o evento.

Esporte