PUBLICIDADE
Topo

Icardi não viaja a Viena, perde a braçadeira e pode sair da Inter

13/02/2019 17h26

Cobiçado por grandes clubes do futebol europeu, Mauro Icardi pode estar de malas prontas para deixar a Inter de Milão. Nesta quarta-feira, o jogador não viajou à Áustria para enfrentar o Rapid Viena, pela Liga Europa, na próxima quinta. Segundo o técnico Luciano Spalletti, a decisão foi do próprio atacante, que perdeu também a braçadeira de capitão.

- A decisão de tirar a faixa de capitão do Icardi foi difícil e muito dolorosa, mas absolutamente feita por todos os membros do clube e tomada pelo bem da Inter. Ele foi convocado para ir a Viena, mas não quis ir. Claro que isso foi ruim, mas há coisas no entorno dele que o incomodam e que atrapalham o time. Nós temos que pensar exclusivamente no jogo - declarou o treinador.

Icardi tem contrato até 2021 com a Inter de Milão, que tenta renovar com o argentino. Até o momento, não chegou a um acordo.

Até o momento, Icardi disputou 28 partidas pela Inter de Milão na temporada e fez 15 gols. Ele tem sido o principal nome da equipe nos últimos anos.

Esporte