PUBLICIDADE
Topo

Diante de 'aprendizados' de 2018, Botafogo visita o Campinense pela Copa do Brasil

13/02/2019 07h00

O Botafogo terá a oportunidade de provar que está em evolução e que aprendeu com os vacilos ocorridos na primeira fase da Copa do Brasil de 2018, quando caiu para a Aparecidense, após levar uma virada já nos minutos finais do duelo em Goiânia. O adversário da vez será o Campinense, nesta quarta, às 21h30 (de Brasília), no Estádio Amigão - o LANCE! transmite em tempo real.

Contra a Aparecidense, Rodrigo Pimpão abriu o marcador logo nos primeiros minutos de jogo. A equipe goiana, contudo, foi à rede com Nonato e Gustavo Ramos, este já na casa dos 40 minutos da etapa final. Ambos os gols foram de bola aérea.

- Principal aprendizado (cautela no fim do jogo). Tomamos um gol bem no final da partida. A gente tem que entrar super ligado no jogo, buscando vencer a partida. Não aceitando, pelo menos para início de jogo, a questão do regulamento, que dá o empate ao visitante. Temos que buscar a vitória o tempo todo - comentou Zé Ricardo.

- Teremos muita dificuldades. O Campinense é muito mobilizado e vem jogando o campeonato estadual muito bem - completou.

Zé Ricardo ainda não estava à frente do Alvinegro à época (Felipe Conceição era o treinador), mas está ciente da pressão para não repetir o vexame do ano passado. Para voltar ao Rio com a vaga na bagagem, aliás, Zé terá o "reforço" de João Paulo, que retorna de lesão muscular e deve iniciar o jogo no banco.

A provável do Botafogo escalação para o jogo no Amigão tem Gatito Fernández; Marcinho, Carli, Gabriel e Jonathan; Jean, Alex Santana e Luiz Fernando; Erik, Rodrigo Pimpão e Kieza.

Esporte